Endereço: www.diariodesuzano.com.br/noticia.php?id=264423

Data da impressão: 26 de outubro/2014

26 de outubro/2014

Ed.9967

Carro capota em trecho de rotatória da SP-31

Diário de Suzano ed.: 9305 - 12 de setembro de 2012



Um carro capotou em uma rotatória localizada no km 66 da Rodovia Índio-Tibiriçá (SP-31) no início da tarde de ontem, em Suzano. Uma mulher dirigia o veículo. Ela não se feriu graças ao cinto de segurança que usava.
Uma viatura do resgate do Corpo de Bombeiros atuou na remoção da mulher, que não autorizou ser identificada. Ela foi levada para a Santa Casa de Misericórdia - Unidade II para ser medicada. Segundo dados dos Bombeiros, ela passava bem e nem em observação ficaria.
O veículo modelo Corsa Classic (EDX-4084, placa de Suzano) ficou com a parte da frente bastante danificada. De acordo com o sargento Cláudio - um dos que atendeu a ocorrência - a vítima não soube apontar como teria capotado o veículo. "Ela disse apenas que estava fazendo a rotatória e "se perdeu"".
O sargento atentou que não é comum acontecer esse tipo de evento no local, por isso acabou se espantando. "Não sei como isso pode ter acontecido". Além do sargento Cláudio, também atenderam a ocorrência os soldados bombeiros Espin e Edmar.
A Polícia Militar Rodoviária (PMRv) trabalhou para orientar o tráfego no local. Apesar da lentidão causada por motoristas curiosos, uma das duas pistas foi liberada para o trânsito quando da atuação do resgate.

EMBRIAGADO Em Itaquaquecetuba o motorista Francisco Gomes dos Santos, de 39 anos, foi levado até a Delegacia de Polícia (DP) Central na noite de segunda-feira. Ele dirigia pela Rua João Vagnotti, no Centro, quando, de repente, abriu a porta do carro em que estava, um Santana (BPD-9318, placa de São Paulo), e um ônibus municipal passou ao lado e a danificou.
A Guarda Civil Municipal (GCM) foi acionada. Ao chegar ao local, a corporação constatou que Santos parecia estar embriagado.
À Polícia ele afirmou que tem o hábito de beber. Também foi constatado que o motorista estava sem a Carteira Nacional de Habilitação (CNH).
A pena para quem dirige sob efeito de álcool varia de seis meses a três anos de prisão. Dirigir embriagado dá multa e é infração de natureza gravíssima. A multa é de R$ 820 com suspensão do direito de dirigir e detenção de seis meses a um ano.





Enquete

Você é a favor da elevação de Suzano à estância turística?

Canais rede ds

Horóscopo

Publicidade

Colunas do dia

Freio na boca

Palavras têm poder. Palavras influenciam pessoas; palavras podem...

Rede DS de Comunicação - Todos os direitos reservados