Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sábado 26 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 26/09/2020
PMMC COVID SAÚDE
Pmmc Sarampo
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
ÚNICCO POÁ

Comunidade do Conto apresenta produções sobre filosofia e religião

04 MAI 2016 - 08h00

As produções literárias sobre filosofia e religião, tema abordado pelo professor universitário e mestre em Educação, Marco Aurélio Pinheiro Maida, na edição passada do "Comunidade do Conto" serão apresentadas hoje pelos escritores da Associação Cultural Literatura no Brasil (ACLB). A expectativa é que no início de maio também seja distribuído a primeira edição do fanzine "Vasto", que reunirá obras produzidas nos encontros do primeiro bimestre.

O projeto que foi inspirado no Clube do Conto, da Paraíba, e visa o aprimoramento da técnica literária será realizado, a partir das 19 horas, na Sala de Teatro da companhia "Atores InSanos", abrigada na Faculdade Piaget (Avenida Mogi das Cruzes, 1.001, Jardim Imperador, em Suzano). A entrada é gratuita e aberta a todos os interessados.

O encontro será uma continuidade da edição de abril, ocasião em que os autores se reuniram para debater o tema "A desconstrução do sagrado: das impossibilidades de narrar o mistério", que contou com a mediação do professor Maida. Em maio os participantes retomam as atividades para apresentar e discutir suas produções.

"Vamos ler o que escrevemos, trocar ideias, receber e fazer críticas. Essa é uma forma de contribuir com o enriquecimento de nossa escrita e com a evolução da técnica literária", explica o escritor Ademiro Alves, o Sacolinha, membro-fundador da ACLB e responsável pelo projeto.

Fanzine

Com um total de quatro edições, a primeira edição do fanzine "Vasto" é resultado da discussão e produção do Comunidade do Conto nos meses de fevereiro e março, que abordou o tema "Álcool e Juventude". A publicação reunirá obras de nove autores, entre membros da ACLB, integrantes do beco de escritores - grupo de contistas de São Paulo - e do autor paulistano Escobar Franelas, de São Miguel Paulista, que faz parte do projeto Casa Amarela.

Será publicado um volume por bimestre, com mil exemplares cada. As edições serão distribuídas gratuitamente nas escolas públicas da rede de ensino do Estado para subsidiar outras ações de incentivo à leitura desenvolvidas pelo grupo. A iniciativa é resultado da seleção do projeto pelo Programa de Ação Cultural (ProAC) do governo estadual.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias