Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sábado 31 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 31/10/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
Pms Coronavírus - Fase Verde
PMMC COVID VERDE
Pmmc Sarampo Outubro

Livro ‘Entre Quatro Poderes’ chega às estações do Metrô de São Paulo

23 JAN 2016 - 07h00

Em parceria com a “24x7 Cultural”, visando facilitar a formação de novos leitores e incentivar o hábito da leitura, os autores de “Entre Quatro Poderes”, os jornalistas Anderson Fernandes, Rodrigo Dias, Débora Kaoru e Khadidja Campos disponibilizaram alguns exemplares do livro nas máquinas automáticas localizadas no Metrô de São Paulo.

Segundo Fernandes, as máquinas da “24x7 Cultural” apostam na diversidade cultural e contam com uma variedade de livros, de renomados títulos, a preços acessíveis. “É um projeto muito interessante e como nosso objetivo é promover a leitura e ainda possibilitar que o livro ‘Entre Quatro Poderes’ seja acessível, topamos esta parceria”.

Khadidja acrescentou que a realidade brasileira mostra que o acesso de grande parte da população aos livros é muito restrito, por isso a iniciativa de oferecer “Entre Quatro Poderes” a um preço popular, nas estações do Metrô de São Paulo, é algo muito positivo. “Estamos satisfeitos com esta ação e esperamos conquistar novos públicos e leitores”.

Livro

O livro “Entre Quatro Poderes” tem gerado muitos comentários desde a pré-venda e tem sido um sucesso nas principais livrarias do País. No momento, a obra está esgotada em alguns pontos de venda. O livro foi publicado pela Editora Novo Século e tem o selo Novos Talentos da Literatura Brasileira e discute o relacionamento entre as pessoas que comandam a política brasileira, reunindo histórias fictícias similares a casos vivenciados pelos autores Anderson Fernandes, Rodrigo Dias, Débora Kaoru e Khadidja Campos.

“Imagine um município qualquer do nosso País. Imagine um político que tem grande apelo popular e que é mais conhecido por um apelido esdrúxulo do que pelo próprio nome. Acrescente à isso a corrupção no meio político correndo ‘a volonté’. Fácil, não? Isso porque ‘Entre Quatro Poderes’ acerta em cheio em assuntos tão batidos e debatidos em nosso país: corrupção e impunidade. Aliás, qualquer semelhança entre essa obra de ficção com a realidade não é mera coincidência”, comentou Thiago Felício, do blog Papos Literários.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias