Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sábado 15 de agosto de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 14/08/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Mogi realiza ação para dar ajuda de custo aos artistas durante isolamento

Cultura de Mogi abre chamamento público para ajudar classe artística com custo, durante pandemia do Covid-19

Por De Mogi19 MAR 2020 - 20h51
Valores pagos serão apenas ajuda de custo para artistas trabalharem on-lineFoto: Divulgação/PMMC
Em função das recomendações em torno do isolamento social, por conta do novo coronavírus (Covid-19) haverá naturalmente um impacto sobre aqueles que dependem de espaços físicos para apresentarem e/ou comercializarem seu trabalho. Por isso, a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo acaba de abrir um chamamento público para a realização da Mostra Virtual de Artes: A Arte Não Esqueceu de Você. 
 
O objetivo é contratar artistas e profissionais mogianos do segmento da arte e da cultura que dependam financeiramente das atividades culturais por um período de três meses, como uma forma de apoio à atual situação enfrentada.
 
O secretário municipal de Cultura e Turismo, Mateus Sartori, lembra que esta é uma ação direcionada àqueles que efetivamente dependem dos recursos provenientes da execução de atividades artísticas para a sobrevivência.
 
Nos casos em que a pessoa tenha alguma outra fonte de renda, o pedido é para que ele não se inscreva e deixe essa oportunidade a um colega em situação mais vulnerável.
 
Algumas das áreas naturalmente mais impactadas são a música, o teatro, a dança, o cinema, o artesanato e outros compatíveis com a linguagem de audiovisual.
 
Além do apoio financeiro, o objetivo é que os artistas possam, com essa ajuda, desenvolver conteúdos virtuais, para que dêem continuidade às suas atividades artísticas, porém fazendo uso de canais eletrônicos, como sites e as redes sociais.
 
“Nosso objetivo é diminuir o impacto sócio-econômico no setor cultural em Mogi das Cruzes e disponibilizar conteúdos artísticos e culturais para a população por meio da contratação de artistas e profissionais da arte e cultura, para a produção e a disponibilização de conteúdos virtuais tais como: shows, apresentações, tutoriais, vídeo-aulas, demonstrações, fóruns, saraus”, explica Sartori.
 
O secretário detalha ainda que não se trata do pagamento de um cachê e sim de uma ajuda de custo, para que essas pessoas desenvolvam atividades on-line. “Além do apoio direto ao artista, nossa mostra virtual possibilita que as pessoas em momentos de isolamento também tenham acesso a atividades culturais.
 
Nos últimos dias, já temos visto vários artistas começando esse movimeto com lives, apresentações vídeo-aulas, tutoriais, todos ligados à cultura”, acrescenta.
 
Os valores a serem pagos estão baseados no Edital 045/2019, que regra a contratação de todos os profissionais da arte, cultura e turismo. O chamamento também está alinhado às metas do Plano Municipal de Cultura (Lei Municipal nº 7.536/2019): Eixo 1, Meta 4, Ação 1 / Eixo 3, Meta 1, Ação 5 / Eixo 4, Meta 1, Ação 3.
 
Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 4798-6900.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias