Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 29 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 29/09/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC COVID SAÚDE
SOUZA ARAUJO
Pmmc Sarampo
ÚNICCO POÁ

Mostra de literatura ‘Poesia: Agora sua Vez’ entra em cartaz no Moriconi

12 JAN 2016 - 07h00

Parte da obra literária do poeta suzanense Paulo Odair pode ser apreciada até 10 de fevereiro na mostra "Poesia: Agora sua Vez", que volta ao Centro de Educação e Cultura Francisco Carlos Moriconi. A exposição já foi exibida nos Centros Culturais de Palmeiras, Colorado e Boa Vista. A iniciativa é da Prefeitura de Suzano, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, como forma de divulgar a obra do autor e aproximá-la do leitor.

"Poesia: Agora Sua Vez" exibe 28 poemas impressos em banners compostos com fotos e ilustrações artísticas. Seus versos tocam o leitor ao abordar temas do cotidiano das pessoas. "Amor Menino", "Busca", "Água Somos", "Mãe Adotiva", "Noite", "Silêncio", "Mãe Desconectada" e "Vida de Poeta", são alguns dos títulos de seus escritos, que o visitante pode apreciar na mostra.

O escritor

Paulo Odair é autor de oito livros impressos e um áudio livro. Morador de Suzano, é conhecido por ser um autor popular, que tem contato direto com as pessoas. Em diversas ocasiões, percorre lugares para oferecer seus livros diretamente aos leitores. Prática que permite que autor e leitor se conheçam e interajam. A cada novo poema presenteia seus leitores em primeira-mão com cópias sempre ilustradas.

Em sua obra, Odair se inspira nos passos de Vinícius de Moraes, seu autor preferido. Em suas poesias o autor aborda aspectos da cultura popular e da realidade cotidiana em que está inserida. Entre seus livros, destacam-se os mais recentes, publicados pela Editora Mirambava, cujos títulos são: "Poesia: Sua Vez" (2008), "Canto Porque Preciso Cantar" (2009), "Tantos São Os Dias: Poesia" (2011), "Meu Nome, Poesia" (2012), "Obra (quase) Completa (antologia poética)" (2013) e "Tempo" (2014).

O poeta nasceu na cidade de São Paulo, em 15 de novembro de 1951. Em sua infância viveu nas cidades de Mairiporã e Atibaia. Iniciou sua vida de escritor ainda criança, escrevendo poemas de amor para uma paixão infantil. Começou a trabalhar aos 12 anos, na cidade de São Paulo, como office boy.

Novo projeto

Atualmente, Paulo Odair desenvolve mais um projeto, desta vez, um livro de sonetos, gênero literário, segundo sua opinião, meio esquecido entre os poetas, talvez por exigir observância a métrica de seus versos. Espera concluir este novo trabalho até março. Já possui 20 sonetos criados e espera atingir a quantidade de 100, dos quais 50 serão escolhidos para a publicação de seu próximo livro.

O Centro de Educação e Cultura Francisco Carlos Moriconi fica na Rua Benjamin Constant, 682. A visitação é gratuita e pode ser feita de 2ª a 6ª feira, das 8 às 17 horas.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias