Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 30 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 30/09/2020
Pmmc Sarampo
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
ÚNICCO POÁ
SOUZA ARAUJO

Mostra de poesia se encerra hoje em Suzano

31 AGO 2016 - 08h00

O público suzanense tem até hoje para prestigiar a mostra "Poesia: sua vez", exposição individual de Paulo Odair Silva, escritor popular no município, que exibe 28 poemas impressos em banners compostos com fotos e ilustrações artísticas. Os versos abordam temas do cotidiano das pessoas. "Amor Menino", "Busca", "Água Somos", "Mãe Adotiva", "Noite", "Silêncio", "Mãe Desconectada" e "Vida de Poeta", são alguns dos títulos dos poemas que compõem os livros já publicados do escritor.

O visitante pode apreciar a exposição literária montada no mezanino do Centro de Educação Francisco Carlos Moriconi, na Rua Benjamin Constant, 682, no centro, a entrada é franca. "Poesia: sua vez" tem curadoria de Pedro Neves.

POETA

Odair possui nove obras publicadas, trabalha atualmente a edição de um livro de sonetos, gênero literário que considera esquecido pelos autores de hoje, mas que o fascina pela estrutura dos versos, para si um prazeroso desafio. Já possui compostos 50 poemas para o novo livro, ainda sem título, porém espera lançá-lo em setembro.

Paulo Odair, morador de Suzano, é conhecido por ser um autor popular, especialmente por sua particularidade de ir às ruas e vender seus livros diretamente aos leitores em diversas ocasiões, algo característico por permitir que autor e leitor interajam.

Nascido na cidade de São Paulo, em 15 de novembro de 1951, em sua infância viveu nas cidades de Mairiporã e Atibaia. Iniciou sua vida de escritor ainda criança, ao escrever poemas de amor para uma paixão infantil.

Em sua obra, inspira-se no seu autor preferido Vinícius de Morais. Suas poesias falam de aspectos da cultura popular e da realidade cotidiana na qual está inserido. Entre seus livros, destacam-se os mais recentes publicados pela Editora Mirambava, cujos títulos são: "Poesia: Sua Vez", 2008, "Canto porque preciso cantar", 2009, "Tantos são os dias: poesia", 2011; "Meu nome, poesia", 2012; "Obra (quase) completa", de antologia poética; e "Tempo",2014, livro de crônicas e poesias dedicado ao público infantojuvenil.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias