Envie seu vídeo(11) 97569-1373
segunda 30 de novembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 29/11/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC NOVEMBRO AZUL
PMMC MULTI 2020 NOV

Simpósio de Dança acontece na próxima sexta

24 ABR 2016 - 08h00

Suzano realiza o 1º Simpósio de Dança - Possibilidade da Aprendizagem da Dança, no Teatro Municipal Doutor Armando de Ré, na próxima sexta-feira, a partir das 19 horas. O encontro terá apresentações com aprendizes de dança das Oficinas de Formação de Arte e Cultura, ministradas em quatro centros culturais de Suzano.

Segundo o secretário de Cultura, Suami Paula de Azevedo, a dança tem uma história, um longo percurso já realizado no Brasil e no mundo. "Como temos em Suzano um dos mais importantes Centros de Formação de Arte e Cultura do Estado, temos de acrescentar mais que informações para nossa gente. E, além disto, passarmos formação, isto é, prepararmos, não apenas jovens artistas, mas também formamos público para nossas atividades artísticas e culturais", completa.

A equipe de palestrantes é composta por Márcia Belarmino, profissional e empresária de dança em Suzano; Rafael Vicole, diretor artístico e regente titular da Orquestra Acadêmica de Suzano e Sinfonietta Paulista, em São Paulo; e da Faculdade Piaget virão duas peritas, sendo Michele Maia Pontes, docente das disciplinas de Motricidade Humana em Danças e Educação Motora II; e Denise Avelino da Silva, atualmente professora de Capoeira. Os especialistas abordarão, respectivamente, os temas "A História da Dança"; "A Importância do Estudo da Música na Dança"; "Possibilidades da Dança-Educativa"; "Contribuições que a Educação Física Possibilita à Dança", e outros assuntos que poderão surgir no decorrer do bate-papo com o público.

O elenco de bailarinas é formado por 63 alunas, com idades de 7 a 15 anos, vindas das Oficinas de Dança ministradas no Centro Culturais de Palmeiras, Colorado, Boa Vista e Francisco Carlos Moriconi. O grupo se distribui entre as cinco coreografias a serem apresentadas e três trabalhos inéditos, especialmente preparados para a ocasião, com ensaios iniciados em fevereiro.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias