Envie seu vídeo(11) 97569-1373
domingo 20 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 20/09/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC COVID LAR
PMMC COVID SAÚDE

Suzano garante parceria com Circuito Cultural Paulista para o ano que vem

11 DEZ 2015 - 07h00

Suzano garantiu parceria com o Circuito Cultural Paulista, programa do governo do Estado, para o ano que vem. A confirmação foi feita durante reunião com o diretor de Ações Culturais da Secretaria Municipal de Cultura, Geraldo Rodrigues e o secretário-adjunto estadual, José Roberto Sadeki. Na ocasião, foram confirmadas seis atrações para a cidade. O encontro aconteceu em Araras.

Uma das atrações será agendada para a programação de 67º aniversário da Cidade, e outra para a III Semana Franco-Brasileira, prevista pra acontecer em junho. Segundo Sadek, o governo de Estado gastou em média por cidade, em 2015, R$ 60 mil, com a realização de oito espetáculos, em 110 municípios, e atendeu uma média de 300 mil pessoas.

"Devido à crise financeira que assola o País, a retração da economia força o Estado a buscar alternativa para a continuidade do projeto. Nós apontamos a redução de oito para seis atrações por cidade no próximo ano. Buscamos parcerias junto à iniciativa privada para adequar o Circuito Cultural Paulista ao atual momento, acentuando, porém, a sua preocupação quanto à situação das empresas. Reduzir espetáculo ao ar livre e mais nos teatros também é um jeito de economizar", explicou o secretário-adjunto.

Segundo o diretor de Ações Culturais da Prefeitura de Suzano, Geraldo Rodrigues, o objetivo é descentralizar as atrações para bairros mais distantes do Centro. "Devemos entregar a programação das atividades até o dia 1º de fevereiro. Os responsáveis pelo projeto Circuito Cultural Paulista irão fazer uma análise das atividades, horários e locais sugeridos. Todos os produtores falam muito bem da receptividade de Suzano".

O secretário de Cultura, Suami Azevedo, considerou importante a determinação de espetáculos do governo do Estado em eventos da cidade, o que não tinha ocorrido antes. "Preocupa, no entanto, a redução de atrações, embora seja compreensível a razão da providência tomada devida a situação econômica difícil pela qual passa o País".

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias