Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 05 de agosto de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 04/08/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Após queda, pontos comerciais voltam a ser alugados em Suzano

Acoris aponta migração de comerciantes para imóveis menores e com maior facilidade de acesso

Por Carolina Rocha - de Suzano12 JUL 2020 - 20h00
Imóveis voltaram a ser alugados em SuzanoFoto: Jackeline Lima/DS
Após a forte queda no aluguel de pontos comerciais em Suzano devido a pandemia do novo coronavírus, imóveis voltam a ser alugados na cidade. A Associação dos Corretores de Imóveis em Suzano (Acoris) informou que a principal mudança no período de pandemia foi a migração de comércios para pontos menores e com maior facilidade de acesso.
 
O presidente da Associação, Ademilson Bernardes, disse que no começo da pandemia houve uma maior oferta de imóveis vagos, uma vez que muitos comerciantes fecharam os seus negócios por conta da restrição de abertura imposta pelas autoridades. 
 
"Muitas lojas fecharam, tanto pelas dificuldades que já vinham tendo ao longo do tempo, quanto pela obrigação do fechamento do ponto de venda, e consequente aumento expressivo dos custos e gatos com a manutenção do negócio", explica.
 
Entretanto, a procura ainda está acima da média e muitos pontos estão sendo alugados novamente nesse período. Para o presidente não é possível dizer se o mercado melhorou ou piorou durante a pandemia, mas sim que as pessoas mudaram as percepções e as necessidades com relação ao tipo de imóvel que procuram, suas características e localização.
 
Já no aluguel e compra de imóveis residenciais, a entidade afirma que não percebeu grandes quedas, isso porque o mercado imobiliário brasileiro é bem consolidado e os preços não estão inflacionados. Segundo a Acoris, isso fez com que não houvessem alterações nos valores e condições mesmo com a pandemia.
 
Ainda em relação a locação de imóveis residenciais, o presidente disse que a procura por apartamentos e casas mais amplas, com melhor localização e mais atrativos, como varandas maiores e proximidade a parques estão sendo mais procurados nessa época na cidade. Para Bernardes, a nova demanda está atrelada a implantação do home office, que vem mudando a forma como as pessoas enxergam o trabalho.
 
"São novos tempos que vieram para mudar o jeito das pessoas de se cuidar, se relacionar, trabalhar e, principalmente, de consumir produtos e serviços. E essas mudanças passarão pelos imóveis comerciais e residenciais, e os corretores de imóveis de Suzano estão prontos para assessorar a população para uma melhor escolha", completa.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias