Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 23 de agosto de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/08/2019
PMMC - TRATA BRASIL
CENTERPLEX 22/08 A 28/08
Suzano

Câmara abre 15 vagas e restringe estacionamento só para funcionários

Estacionamento era liberado para todos, mas por determinação da Câmara, somente funcionários podem parar

Por Fernando Barreto - de Suzano19 JUL 2019 - 23h54
Câmara abre 15 vagas e restringe estacionamento só para funcionáriosFoto: Munique Kazihara/Divulgação
Um estacionamento na Rua Paraná, ao lado da Câmara Municipal de Suzano, foi restringido somente para os funcionários da casa. Com isso, a população não é mais permitida parar no local. A determinação foi da presidente do legislativo, Gerice Lione (PL). O local tem espaço para 15 veículos.
 
O estacionamento era muito utilizado pelas pessoas que trabalham ou precisam utilizar os comércios que existem na rua. 
 
Câmara
 
Em nota, a Câmara de Suzano informou que o estacionamento consta na planta elaborada pelos arquitetos da Prefeitura.
 
“O projeto original foi elaborado por arquitetos da Prefeitura e as vagas estão dentro do terreno da Câmara, logo, não poderá haver exigência contrária da administração municipal. Importante deixar claro também, que a obra foi aprovada em todas as instâncias exigidas na legislação atual".
 
Segundo a mesma nota, o estacionamento interno da Câmara não possui espaço para guardar os veículos de todos os funcionários. “O estacionamento interno não tem capacidade para abrigar os veículos de vereadores, assessores e demais funcionários da Casa”, informou a Câmara Municipal.
 
O DS esteve no local e conversou com pessoas e comerciantes da rua.
 
Angélica Lisboa de Oliveiram, que trabalha com telemarketing, estacionou no local para levar sua mãe para uma consulta. 
 
Ela disse estar bem indignada com a situação. “Eu não concordo com essa atitude, pois vim aqui e precisava parar em algum lugar e já pretendia deixar o carro ali, até me assustei quando cheguei e vi que estava fechado”, disse Angélica.
 
A advogada Evelin Santiago Lopes Pissolito também demonstrou indignação, e reiterou que a situação é ruim para seus clientes. “Acho um absurdo isso, pois atrapalha quem precisa estacionar e atrapalha nossos clientes também”. A comerciante de uma cafeteria, Carla Melges, disse que se o local pertence à Câmara, eles estão certos em fechar. 
 
Mas reitera que a atitude prejudica os comerciantes. “Se são deles, então eles estão certos de fechar, mas atrapalha sim. Acredito que eles poderiam transformar a rua em mão única e permitir estacionar de um dos lados.
 
Prefeitura
 
O DS buscou a opinião da Prefeitura de Suzano, e a mesma informou que a situação não é classificada como ilegal pois está em área interna do imóvel, e a área não compõe lougradouro público. 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias