Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 04 de dezembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 04/12/2020
Sec de Governo - Educação Kit de Atividades 02 - Dezembro
Reisinger Ferreira
GOLDSTAR
GOLDSTAR
ERICA ROMÃO

Cetesb emite 76 autos de infração no Alto Tietê; dez são de poluição do ar

Companhia detalhou a quantidade de autos infração por município. Mogi das Cruzes lidera o ranking

Por Lucas Lima - de Suzano22 OUT 2020 - 23h00
Cetesb emitiu, neste ano, 76 autos de infração em seis cidades do Alto TietêFoto: Regiane Bento/Divulgação
A Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) emitiu, neste ano, 76 autos de infração em seis cidades do Alto Tietê. Deste total, 10 casos foram referentes a ocorrências de poluição de ar. Segundo a companhia, os maiores causadores deste tipo de caso são procedimentos químicos. Contudo, controle de poluição e fiscalização são realizados pela Cetesb.
 
Dos 76 autos de infração registrados na região, a Agência Ambiental de Mogi das Cruzes, da Cetesb, informou que 51 foram autos de advertência e 25 autos de multa. Dentre eles, 10 foram referentes a poluição do ar. 
 
Além disso, a companhia detalhou a quantidade de autos infração por município. Mogi das Cruzes lidera o ranking, com 35 casos neste ano. Na segunda posição ficou Suzano, tendo registrado 17 autos de infração. Guararema vem na sequência com nove casos. Salesópolis contabilizou três a menos, sendo seis autos de infração. Poá e Ferraz de Vasconcelos computaram cinco e quatro casos, respectivamente.
 
Em relação aos maiores causadores dos casos de poluição do ar, a Cetesb verificou que as atividades de fusão e recuperação de metais, química, beneficiamento de tecidos, cerâmica e beneficiamento de madeira são as que mais ocasionaram episódios como estes. 
 
A Cetesb, por meio dos processos de licenciamento ambiental, esclareceu que estabelece exigências técnicas para o devido controle da poluição, em conformidade com a legislação vigente. A companhia ressaltou que além do licenciamento ambiental, também realiza a fiscalização das fontes potenciais de poluição.
 
Áreas contaminadas
 
Em agosto deste ano, o DS trouxe matéria mostrando que um relatório divulgado pela Cetesb indica 114 áreas contaminadas no Alto Tietê. Entre os principais grupos de contaminantes encontrados nessas áreas estão os combustíveis automotivos, solventes aromáticos (basicamente representados pelo benzeno, tolueno, etilbenzeno e xilenos, classificados como líquidos inflamáveis ou altamente inflamáveis), e os hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (PAHs).

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias