Envie seu vídeo(11) 97569-1373
domingo 31 de maio de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 30/05/2020
DIARIO DE SUZANO SOLIDÁRIO
PMMC HOSPITAL DE CAMPANHA
PMMC RETOMADA

Clínicas odontológicas de Suzano atendem apenas emergências

Por Carolina Rocha - de Suzano07 ABR 2020 - 12h14
Apesar do funcionamento de clínicas odontológicas não estar proibido por decreto do governador do Estado, o local pode ser também fonte de contaminaçãoFoto: Arquivo/DS
As clínicas odontológicas de Suzano estão sentindo os primeiros impactos da pandemia do coronavírus na região. De acordo com os consultórios consultados pela reportagem, apenas casos urgentes estão sendo atendidos, o que diminuiu o movimento nas clínicas.
 
Segundo David da Silva, um dos atendentes de uma clínica na região central de Suzano, todas as consultas que estavam agendadas para os próximos dias precisaram ser reagendadas, e até o momento não há previsão de que as atividades voltem ao normal. David também conta que todas as medidas que são recomendadas pela Organização Mundial da Saúde estão sendo tomadas.
 
"Nós reforçamos a higienização dos ambientes, assim como todos os colaboradores estão utilizando máscara, luvas e álcool em gel, além de lavar as mãos com frequência", conta Silva.
 
Apesar do funcionamento de clínicas odontológicas não estar proibido por decreto do governador do Estado, o local pode ser também fonte de contaminação. É o que explica o professor do curso de odontologia da Universidade de Mogi das Cruzes, Pasqual Bonzanini Neto, 39, que já atua na área há 17 anos.
 
Segundo Neto, cuidar da saúde bucal em tempos de pandemia é fundamental. Isso porque o deslocamento até um consultório pode fazer com que o paciente se contamine. "A higiene da cavidade bucal, essa quando está adequada e o paciente apresenta boa saúde bucal, evita e/ou minimiza a ida de pessoas a procurar auxílio odontológico. Isso, por consequência, diminui os riscos de contágio e contaminação, e na questão de isolamento social, porque temos assim mais pacientes em casa", explica o profissional.
 
Neto reforça que a melhor maneira de evitar o contágio pelo Covid-19 é manter uma higiene adequada. "Vale lembrar que devemos manter o uso correto do fio dental e da escova de dentes, isso após o café da manhã, almoço e antes de dormir", ressalta.
 
Quanto ao fechamento de consultórios, o professor explica que aqueles que querem continuar atendendo seus pacientes devem seguir uma série de medidas, que são recomendadas pela OMS e pelo Conselho Regional de Odontologia de São Paulo. Essas incluem a utilização de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), lavagem constante das mãos e seguir rigorosamente os procedimentos de limpeza e esterilização dos instrumentais utilizados após as consultas.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias