Envie seu vídeo(11) 97569-1373
domingo 09 de agosto de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 08/08/2020
PMMC ECOTIETÊ
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC  VACINAÇÃO - SARAMPO
Pmmc Mutirão da Catarata

Comerciantes cobram a volta do estacionamento 45º graus no Sesc

Donos de estabelecimentos temem prejuízos com mudanças em vagas; Prefeitura alega melhorias na segurança

Por Daniel Marques - de Suzano27 JUL 2020 - 22h10
Comerciantes do Sesc querem a volta do modelo antigo de parada de carrosFoto: Jackeline Lima/Divulgação
Comerciantes do Sesc, região Norte de Suzano, não concordam com as mudanças que vêm sendo feitas pela Prefeitura no trânsito da Rua Katsutoshi Naito desde a última sexta-feira (24).
 
A grande queixa ocorre por conta da substituição de vagas de estacionamento para veículos que ficavam em frente ao comércio. Antes, os carros paravam em espaços de 45° e ficavam de frente para as calçadas. Agora, com as mudanças, os veículos só podem estacionar rente às calçadas, semelhante ao que ocorre na maior parte do estacionamento rotativo da cidade (Zona Azul).
 
Além da “dificuldade” relatada pelos comerciantes para realizar balizas em um trecho de curva (considerado perigoso por eles), o número de vagas preocupa para o movimento nos estabelecimentos, já que eles alegam redução.
 
“Faz mais de 40 anos que as vagas estão em diagonal. Era bem melhor. Agora vai ser muito mais difícil para manobrar e fazer baliza, principalmente porque é curva. Já está prejudicando o comércio. O pessoal não estaciona mais. Olham e já vão embora”, lamenta Arlindo Hosokawa, proprietário de uma quitanda que fica em frente ao local.
 
Salvar Vidas
 
Em nota, a Secretaria Municipal de Transportes e Mobilidade Urbana de Suzano informou que a prioridade da pasta é de “salvar vidas” e desmentiu a redução de vagas. No documento, a Secretaria diz que instalou semáforo com faixa de pedestres e ampliou de dez para 18 vagas, sendo quatro para motocicletas. Elas foram instaladas nos dois lados da pista, o que não ocorria antes. 
 
Uma lombada está sendo construída – algo que foi constatado pelo DS na visita ao local. “A expectativa é que com a intervenção realizada, o local deixe de registrar ocorrências de acidentes com pedestres, ciclistas, motociclistas e motoristas, garantindo, portanto, maior segurança de trânsito e preservando vidas”, disse a Prefeitura, no documento.
 
Consulta
 
A construção de lombada é um ponto importante destacado por Nelson Gomes, dono de uma padaria que fica em frente ao local.
 
Mesmo assim, ele também reprovou as mudanças. “Para nós, piorou muito, e para o povo também. Fizeram algum estudo? Precisavam colher informações conosco, mas não nos consultaram. Ninguém aqui aprovou”, disse. O porteiro Antônio Donizete Rosa, 59, estacionou o veículo no local para ir a uma padaria. Questionado, ele diz que as mudanças foram boas para os motoristas, mas ruins aos comerciantes. 
 
“Acho que diminuíram as vagas para carros, mas para sair, ficou melhor. Pena que acaba reduzindo o movimento de pessoas. Não tem como parar aqui, tem que procurar até achar uma vaga. Para quem está trabalhando no comércio, é ruim”, opinou.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias