Envie seu vídeo(11) 4745-6900
quinta 09 de dezembro de 2021

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 09/12/2021
CREA- SP TRANSFORMAÇÃO DEZEMBRO 2021
CIA SUZANO
SECOM CORUJÃO DA SAÚDE
SOUSA ARAUJO - SIENA
Finanças

Educação, Saúde e Manutenção terão maiores orçamentos para 2022 em Suzano

Suzano prevê orçamento de R$ 1.181.093.521,05 para o próximo ano

Por de Suzano27 OUT 2021 - 15h38
Projeto de Lei foi explanado em audiência na Câmara Municipal nesta quarta-feiraFoto: Mauricio Sordilli/Secop Suzano

A Secretaria Municipal de Planejamento e Finanças apresentou nesta quarta-feira (27) o projeto de Lei Orçamentária Anual (LOA) para o exercício de 2022. As projeções foram explanadas durante audiência pública na Câmara Municipal de Suzano, contando com a presença do chefe da pasta, Itamar Corrêa Viana. O objetivo foi apresentar as estimativas das receitas para o próximo ano e fixar as despesas do município.

Na oportunidade, o secretário e o diretor de Orçamentos da Prefeitura de Suzano, William Nakamura, sanaram dúvidas dos parlamentares ao abordarem os principais pontos da proposta que completa outras duas peças orçamentárias, sendo o Plano Plurianual (PPA) e a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), que atuam no planejamento e orientação, enquanto a LOA estabelece a execução orçamentária.

De acordo com o chefe da pasta, as duas peças servem como base para a LOA de 2022, que prevê a receita total de R$ 1.181.093.521,05 para o município. Os recursos orçamentários serão repartidos entre as secretarias e demais entidades públicas da cidade, como a Câmara Municipal (R$ 32.362.100,00) e o Instituto de Previdência Municipal de Suzano (R$ 116.895.000,00).

Quanto às pastas municipais, o maior investimento previsto está concentrado na Educação (24,6%), seguido pela Saúde (21,4%) e pela Secretaria Municipal de Manutenção e Serviços Urbanos (17,7%). O documento disponível para consulta junto ao Legislativo municipal ainda detalha as despesas funcionais de Suzano, conforme a Lei de Responsabilidade Fiscal. Além disso, a previsão também estipula emendas impositivas no valor de R$ 11.648.142,92, representando 1,2% da Receita Corrente Líquida para 2022. 

Outro ponto apresentado foi a composição de receitas advindas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços – ICMS (46%), do Imposto Predial e Territorial Urbano - IPTU (22%), do Imposto Sobre Serviços - ISS (13%) e outros impostos e taxas (19%). Segundo o secretário, os dados levam em consideração as projeções do governo Federal diante do cenário pós-pandemia.

“Buscamos traçar a execução orçamentária próxima da realidade, conforme as projeções estimadas em âmbito federal e baseada nas duas peças já anteriormente apresentadas pelo Executivo municipal. O orçamento contempla as áreas prioritárias de acordo com a legislação vigente e considerando o planejamento de ações para o período de 2022”, explicou. 

A audiência presidida pelo vereador Leandro Alves de Faria, o Leandrinho, também foi acompanhada pelas equipes de receita e contabilidade da Secretaria Municipal de Planejamento e Finanças, além dos parlamentares Antonio Rafael Morgado, o professor Toninho Morgado; Artur Takayama; Denis Claudio da Silva, o filho do Pedrinho do Mercado; Edirlei Junio Reis, o professor Edirlei; Jaime Siunte; Joaquim Rosa; José Oliveira Lima, o Zé Oliveira; Lazario Nazaré Pedro, o Lázaro de Jesus; Marcel Pereira da Silva, o Marcel da ONG; Marcio Alexandre de Souza, o Márcio Malt; e Marcos Antonio dos Santos, o Maizena.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias