Envie seu vídeo(11) 4745-6900
sábado 27 de fevereiro de 2021

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 26/02/2021
CENTRO MÉDICO
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Escolas estaduais ficam fechadas por conta de paralisação

27 AGO 2016 - 08h01

Escolas estaduais de Suzano ficaram fechadas por conta de uma paralisação para reivindicação de melhorias dos professores. O DS foi até três unidades e estavam com as aulas suspensas. Nelas, havia avisos como "Paralisação nas atividades hoje" e "Retornamos com aula normal na segunda-feira devido à reivindicação dos professores". A paralisação atingiu apenas seis escolas. Entre elas estão a Tokuzo Terazaki, Professor Olavo Leonel Ferreira, Helena Zerrener e a Antônio José Campos de Menezes. Além delas, há outras parcialmente paralisadas.

Por conta disso, diversos alunos foram prejudicados. Um deles é o estudante João Vitor, de 11 anos, que ressaltou ficar chateado com toda a situação. Também disse que não deveriam fazer a paralisação em dia de semana. "Acho muito ruim quando acontecem essas coisas. Estou na unidade estadual há quatro anos e sempre sou prejudicado quando têm paralisações. Quero estudar e ter bastante conhecimento para a minha vida. Porém, desta forma é difícil. Sei que os professores fazem pelo bem deles e por nós, mas não acho que reivindicando irá dar certo. Hoje vou ficar em casa, fazendo nada", lamentou.

REIVINDICAÇÃO

Ontem de tarde, os professores participaram de uma assembleia em São Paulo. Na ocasião, foi marcada uma nova conferência para o próximo dia 22, onde será divulgado se haverá greve ou não. Até lá, as subsedes do Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (Apeoesp) vão nas escolas para conversar e definir a proposta.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias