Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 15 de outubro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 14/10/2019
Villa Europa
Secom Segurança
Cidades

Falha no sistema de energia deixa Estação de Suzano às escuras

De acordo com a CPTM, a queda ocorreu por volta das 19h40 e foi provocada por uma oscilação momentânea

Por Daniel Marques - de Suzano10 OUT 2019 - 00h04
Falha no sistema de energia deixa Estação de Suzano às escurasFoto: Daniel Marques/DS
Um apagão ocorrido na noite de terça-feira, 9, causou vários transtornos aos passageiros que usam diariamente a estação Suzano da Linha 11-Coral da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM).
 
De acordo com a CPTM, a queda ocorreu por volta das 19h40 e foi provocada por uma oscilação momentânea no sistema de energia elétrica. Por conta disso, a energia demorou cerca de uma hora para ser restabelecida. 
Ainda de acordo com a empresa, a circulação de trens não foi interrompida e não houve registro de tumulto.
 
EDP
 
O DS consultou a EDP São Paulo, que fornece energia para a estação. Em nota, a empresa diz que houve o acionamento do sistema de proteção às 19h38, ocasionando a interrupção pontual da energia. 
 
No documento, a fornecedora afirma que o corte durou menos de um minuto, e que a interrupção aconteceu na rede da distribuidora, que abastece somente as áreas comuns e de iluminação da estação Suzano.
 
Ainda segundo a EDP, o fornecimento de energia foi automaticamente restabelecido e que não foi encontrado nenhum problema que provocasse a queda na rede. 
 
"Não foi encontrada nenhuma causa na rede e o responsável técnico da CPTM foi orientado a realizar inspeção em suas instalações", diz um trecho da nota.
 
Ambiente
 
O DS esteve no local por volta das 20h30 e constatou que a estação estava “às escuras”. Escadas rolantes e elevadores não funcionavam e muitas pessoas tiveram que usar as lanternas dos celulares para conseguir enxergar o piso e os degraus.
 
As poucas luzes que funcionaram foram as do bloqueio. Pouco se via nessa região, por conta da escuridão intensa. 
 
Na plataforma, a visibilidade foi um pouco melhor por conta das luzes de ruas vizinhas e dos carros.
 
A CPTM destacou, em nota, que a continuidade da operação e a ausência de registros de problemas com os passageiros foi resultado do “esforço dos funcionários da estação, que atuaram imediatamente para auxiliar as pessoas na volta para casa”.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias