Envie seu vídeo(11) 4745-6900
quinta 02 de dezembro de 2021

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 02/12/2021
CIA SUZANO
CREA- SP TRANSFORMAÇÃO DEZEMBRO 2021
SOUSA ARAUJO - SIENA
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Igrejas têm expectativas positivas para as eleições em Suzano

09 AGO 2016 - 08h00

As igrejas Católica e Adventista do Sétimo Dia de Suzano têm expectativas positivas em relação às eleições deste ano. Colaboração e participação na política municipal são dois aspectos presentes na junção dos setores. O foco, segundo representantes de ambas as religiões, é levar orientação aos fieis e críticas construtivas aos governantes.

Segundo o padre da Paróquia Nossa Senhora Mãe do Redentor e coordenador da Região Pastoral de Suzano, Lázaro Aparecido de Sales, a Igreja espera que a próxima administração faça uma gestão específica. "Nossa expectativa é positiva. Esperamos que a próxima gestão trabalhe com foco em saúde, segurança e também na limpeza do município. Suzano é considerada a cidade das flores e queremos que ela melhore, fique bonita e limpa, isso ajuda a melhorar a visão dos visitantes em relação ao município", explica.

O pároco completa que os candidatos ao pleito deste ano são novos e têm esperança na juventude. "A Igreja tem contato com os políticos, fazemos sugestões, além de críticas construtivas. Nosso objetivo é apoiar e colaborar, mostrar as necessidades da cidade", comenta.

A Católica também leva orientação aos fieis mais leigos, fala sobre a importância do voto e participação na política. "Não só falamos da importância de votar e escolher um candidato, mas também de acompanhar o trabalho dele no decorrer da gestão", completa.

O pastor João Xavier, da Adventista do Sétimo Dia, concorda e acrescenta que a Igreja é apolítica, mas os membros podem e mantém um diálogo com os governantes para debater projetos e o bem estar social.

"Nossa expectativa é positiva, mas no desenrolar do governo é que vemos como será. A Igreja tem fieis participativos que esperam um governo que pense no cidadão, nas necessidades básicas do povo como escolas e hospitais de qualidade, além de segurança. Nosso diálogo visa à convocação de lideranças para promover o bem estar social", detalha.

Xavier também aponta que o objetivo é somar forças com o poder público para melhorar o bem estar da cidade, uma vez que a Igreja Adventista não induz a escolha de candidatos, mas orienta a procura por governantes que promovam o bem estar do ser humano, saúde pública, liberdade religiosa e comprometimento com o plano de governo.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias