Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 25 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 25/09/2020
PMMC COVID SAÚDE
Pmmc Sarampo
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Inmetro alerta pais sobre vans escolares. Suzano possui 427 veículos cadastrados

04 MAR 2016 - 08h01

Suzano possui atualmente 427 veículos cadastrados para o transporte escolar. Destes, 146 são particulares e 281 contratados pelo Estado. No início do mês, o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) alertou aos pais dos estudantes sobre a contratação de vans escolares. O motivo é por conta de alguns transportes estarem oferecendo o serviço irregularmente.

A Prefeitura informou que o transporte escolar em Suzano é operado de três formas: particular, público municipal e público estadual. A Secretaria de Trânsito e Mobilidade Urbana é quem controla e fiscaliza os veículos particulares e ainda os da rede estadual do município. O transporte escolar é regulamentado pelo Decreto Municipal nº 7.274/04, sendo realizadas vistorias semestralmente em todos os veículos. O objetivo é visar e garantir principalmente segurança aos alunos usuários.

A hoteleira Fernanda Amaral, falou que ficou com receio da van que leva o filho dela ser irregular. "Como é sempre cheio as vans, consegui uma do nada. Fiquei um pouco com receio no começo, mas depois vimos que era realmente cadastrada e de confiança. Não só eu, mas todos os pais sempre procuram ver o melhor para seu filho e esta medida de observar e constatar se é regular é muito importante".

A motorista de uma van particular Márcia Suzuki disse que muitos pais não verificam se o veículo é regular e cadastrado. "É muito difícil eles verificarem, pois como a escola indica, os pais já confiam e não se preocupam. Eu mesmo já observei muitos veículos escolares irregular, principalmente, com data vencida e etc. Sempre tem um ou outro, porque a fiscalização não tem e quando tem deixa a desejar bastante".

A mãe e lojista Josimara Pereira da Silva também falou sobre o assunto. "Como conheço o pessoal da escola e eles que indicaram fiquei mais tranquila. Porém não me preocupei em ver se a van era cadastrada e ao menos se era irregular. Esse é um problema, mas acho que todos os pais deveriam prestar mais atenção nestes casos".

O departamento de fiscalização informou que realiza constantemente trabalho para coibir qualquer atividade clandestina, tendo como importante ferramenta as denúncias, que podem ser feitas na sede da secretaria pessoalmente.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias