Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 27 de novembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 27/11/2020
Reisinger Ferreira
PMMC MULTI 2020 NOV
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC NOVEMBRO AZUL
ERICA ROMÃO

Obra de reurbanização do Badra vai custar R$ 12 mi e reassentar 162 famílias

20 ABR 2016 - 08h01

A Ordem de Serviço (OS) para o início das obras de reurbanização do Badra Planalto será assinada hoje. A responsabilidade pelo serviço é do o consórcio InfraSuzano Engenharia e Construção Ltda. O investimento está orçado em R$ 12 milhões, sendo R$ 10 milhões do Ministério das Cidades e R$ 2 milhões da Prefeitura. O prazo para conclusão é de 12 meses. Aproximadamente 10 mil pessoas serão beneficiadas direta ou indiretamente. Além disso, 162 famílias devem ser reassentadas. O anúncio foi feito ontem pela secretária de Obras e Infraestrutura, Carmen Lúcia Lorente, a Carminha, durante coletiva à imprensa, no Paço Municipal.

A espaço da intervenção será de 300 mil metros quadrados, tendo em vista que as obras devem atingir 21 vias do bairro (veja quadro ao lado). Os serviços a serem realizados serão de fresagem e recapeamento, pavimentação asfáltica, pavimento rígido, calçadão de concreto, guias e sarjetas.

Carminha contou que os trabalhos iniciarão em locais onde não há a necessidade de remover nenhuma família. “Caso seja preciso vamos colocá-los no programa aluguel social”. Ela ainda acrescentou que o Executivo aguarda a conclusão de um empreendimento para que possa reassentar as famílias. “Existe um empreendimento em construção, na Rua Washington Luiz, que vai ser concluído em agosto. Estas famílias serão remanejadas para o local”, detalhou.

Enquanto mostrava o planejamento da reurbanização, a secretária explicou que vai se reunir com as famílias que serão reassentadas para que, desta forma, possa explicar o projeto e os procedimentos de transferência. “A região vai ser dividida por trechos. Junto com o serviço social, vamos fazer reuniões para que possamos sanar qualquer dúvida deles, já que pode haver a necessidade de o tirarmos de suas casas”, disse.

“A obra vai compor um todo, vai ter área de lazer e muitas coisas. Vamos melhorar totalmente a condição do bairro, e tirar algumas famílias de área de risco”, ressaltou Carminha.

A secretária também citou que a reurbanização era esperada há anos pelos moradores. “É uma obra muito importante para nós, e que era bastante aguardada por moradores mais antigos. Além disso, cada mudança vai beneficiar e valorizar o bairro e o modo de vida deles”, disse.

O pedagogo Arrones Dainez Junior concorda com a informação da secretária, e ainda acrescentou que a obra vai recuperar a referência que o bairro tinha na cidade. “É um presente enorme para nós, que moramos no local. Muitos desacreditaram, porém creio que agora vai. Digo isto porque moro há 50 anos no local, então, vi o bairro crescendo demais e se prejudicando após as invasões e construções desordenadas”.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias