Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sábado 14 de dezembro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 13/12/2019
PMMC DENGUE
Evatânia Psicopedagoga
Cidades

Passageiros reclamam de escada rolante da Estação de Suzano

Maioria diz que sentido das escadas rolantes deveria atender passageiros que precisam embarcar

Por Fernando Barreto - de Suzano16 NOV 2019 - 23h54
Passageiros reclamam de escada rolante da Estação de SuzanoFoto: Munique Kazihara/Divulgação
Os passageiros que utilizam a estação de trem da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) de Suzano reclamam do sentido da escada rolante da estação. Para a maioria, o sentido sempre deveria beneficiar quem precisa embarcar no trem, ou seja, a escada precisava beneficiar quem desce.
 
A CPTM explicou, em nota, que mantém as escadas rolantes no sentido de maior fluxo, e que em horários de pico mantém duas escadas subindo e outras duas descendo.
 
"A estação Suzano conta com quatro escadas rolantes de acesso à plataforma da Linha 11. A maioria dos equipamentos funcionando no sentido do maior fluxo, com opção para subir e descer".
 
Entretanto, para o estudante Felipe dos Santos Martins, morador de Poá, mas que diariamente vem para Suzano, o sentido das escadas deveria beneficiar todos que precisam embarcar e cita uma vez em que foi prejudicado.
"Recentemente tinha uma festa para ir, mas por conta disso perdi o horário. É impossível embarcar, após as 17 horas, se o passageiro não está na plataforma", contou o estudante.
 
A reivindicação dos passageiros é de que se todos os passageiros que desembarcam, usassem a escada rolante, não afetaria quem precisa embarcar, mas muitos passageiros usam a escada normal.
 
Marcos Aurélio - atualmente desempregado - conta que utiliza diariamente os trens e que, mesmo não sendo prejudicado, perdeu inúmeras vezes o trem devido ao problema.
 
"Seria importante mudar o sentido da escada, pois a maioria das pessoas quando desembarcam, usam a escada normal, o que prejudica quem está correndo para embarcar", disse.
 
A autônoma Andressa Karen também concorda com Marcos, e completa, explicando que foi prejudicada pela situação.
 
"Se estou atrasada e preciso correr para embarcar, não consigo. Certa vez perdi o horário de um compromisso por ter muita gente subindo pela escada normal, o que atrapalha descer".
 
O estudante Alexandre Freitas diz que o problema existe, mas somente após as 17 horas. Segundo ele, a escada rolante busca beneficiar quem desembarca, o que prejudica quem precisa embarcar.
 
"Fora dos horários de pico a escada rolante está no sentido de 'descer', mas quando venho pegar o trem, por volta das 18 horas, ela mudou o sentido", explicou o estudante, que disse não se incomodar com a situação.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias