Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 19 de outubro de 2018

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 18/10/2018
Costa Rica
PMMC OUTUBRO - MOGI + ROSA
PMMC - SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA
PMMC OUTUBRO -  EDUCAÇÃO

Petição online pede ao Estado promoção de mãe PM que matou bandido em Suzano

Cabo da PM, Kátia da Silva Sastre, reagiu a tentativa de assalto a grupo de mães

Por Marcus Pontes - de Suzano16 MAI 2018 - 11h56
Petição pede ao Estado promoção por bravura a PM envolvida em episódio com morte de bandidoFoto: Sabrina Silva/Divulgação

Uma petição foi lançada na internet pedindo ao Estado promoção por bravura a cabo da PM, Kátia da Silva Sastre. O documento online frisa que ela seja promovida a 3ª sargento. Até o momento, 714 pessoas assinaram. Quem desejar também pode participar do abaixo-assinado (clique aqui).

O documento online foi publicado nesta terça-feira (15). Um texto resume a importância da promoção, principalmente porque Kátia teria salvo mães e crianças. O ato da policial repercutiu em sites da Europa, Ásia e América do Norte. 

No Brasil, a repercussão da reação à tentativa de assalto em frente a escola particular foi unânime em jornais e telejornais de vários estados brasileiros. O governador de São Paulo, Marcio França (PSB), a homenageou, no Dia das Mães.

"Viemos para homenagar uma mãe que foi muito técnica, prestativa e corajosa, que é cabo Sastre, aqui do 4º Batalhão de Ações Especiais da Polícia Militar (BAEP)", disse França, durante a homenagem ocorrida no domingo (13), na sede do Comando de Policiamento de Área Metropolitana-4 (CPA/M-4), em São Paulo.

Entenda o caso

Na manhã do último sábado (12), Kátia esperava com a filha em frente a uma escola particular, na Cidade Cruzeiro do Sul, quando um bandido surgiu armado. Outras crianças e mães também estavam junto, pois participariam de uma homenagem referente ao Dia das Mães.

A cabo da PM reagiu e baleou o bandido, que chegou a revidar, mas os disparos falharam. O assaltante foi identificado como Elivelton Neves Moreira, de 21 anos. Segundo a Polícia Civil, ele participou do sumiço e morte de um bancário aposentado. 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias