Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quinta 22 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/10/2020
ÚNICCO POÁ
PMMC MULTI 2020
PMMC OUT ROSA
Pmmc Sarampo Outubro
Reisinger Ferreira

PM aguarda definição de locais de votação para estruturar equipes

Polícia realiza a escolta e garante a segurança nos locais de votação, principalmente para combater bocas de urna

Por Lucas Lima - de Suzano21 SET 2020 - 21h15
Polícia ficará responsável pela escolta dos equipamentos no Alto TietêFoto: Divulgação
A Polícia Militar (PM) aguarda a definição dos locais de votação para estruturar as escalas de serviço nas eleições municipais da região. De acordo com o 32º Batalhão da Polícia Militar Metropolitano (32° BPM/M), a Justiça Eleitoral só deve divulgar os pontos de votação em Suzano, Poá e Ferraz de Vasconcelos, próximo a data do 1º turno das eleições, marcado para 15 de novembro.
 
Conforma nas últimas eleições, a PM realiza a escolta e garante a segurança nos locais de votação, principalmente para combater bocas de urna. 
 
Na última eleição, em 2016, por exemplo, o 32° BPM/M realizou o policiamento em 146 locais de votação. Em Suzano foram 75 locais, em Poá foram 31 e Ferraz de Vasconcelos teve 40.
 
Uma reunião entre a Justiça Eleitoral e o Comando da Polícia Militar, a fim de detalhar as estratégias referentes à segurança, deve ser realizada antes das eleições para ser definido todas as ações que serão feitas na véspera e no dia da eleição.
O 32ª Batalhão vai atuar nos pontos estabelecidos pela Justiça Eleitoral nas três cidades citadas. O grupo exercerá a escolta na distribuição das urnas nos locais de votação.
 
Policiais afastados
 
Conforme publicado pelo DS nesta semana, a PM afirmou que o afastamento dos sete policiais candidatos as eleições municipais deste ano não vai impactar na segurança da região. De acordo com o 32º BPM/M, foram realizados ajustes operacionais necessários para que esta situação temporária não afete o policiamento ostensivo em Suzano, Poá e Ferraz de Vasconcelos, cidades atendidas pelo comando.
 
Ao todo, 12 policiais do Alto Tietê, que vão disputar as eleições municipais, serão afastados do cargo. Destes, sete são da PM e cinco da Polícia Civil. As candidaturas são tanto para o cargo de vereador quanto para o de prefeito.
 
Na área do 32º BPM/M, sete policiais militares foram afastados do cargo em 15 de agosto. Dois deles são de Suzano, dois de Poá e três de Ferraz de Vasconcelos.
 
Segundo a PM, o afastamento dos policiais militares para participar do pleito eleitoral é, a princípio, de caráter temporário, sendo assim, constam ainda como efetivos, porém temporariamente afastados de suas funções. Além disso, a polícia destacou que ao final do pleito, caso sejam eleitos, serão exonerados de seus cargos, só então poderão ser substituídos. Caso não sejam eleitos retornarão às suas atividades normais.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias