Envie seu vídeo(11) 4745-6900
terça 13 de abril de 2021

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 11/04/2021
São Paulo Secretaria da Educação
CENTRO MÉDICO
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
Magic City
Administração

Prefeituras colocam 30% dos servidores em home office no período crítico da pandemia

Em Suzano, atualmente, a Prefeitura conta com 5.167 servidores municipais ativos, onde 500 estão em casa

Por De Suzano28 FEV 2021 - 05h00
Prefeituras mantêm servidores em home office. Decisão ocorre em período crítico da pandemia, mas segundo as administrações municipais, os serviços públicos não estão prejudicadosFoto: Isabela Oliveira/DS
As prefeituras das cidades do Alto Tietê mantêm, ao menos, 30% dos seus servidores em home office. 
A decisão ocorre em período crítico da pandemia, mas segundo as administrações municipais, os serviços públicos não estão prejudicados.
 
Em Suzano, atualmente, a Prefeitura conta com 5.167 servidores municipais ativos. Deste total, segundo a Secretaria de Administração, aproximadamente 500 estão trabalhando de forma remota (sendo que 70% são da Secretaria de Educação) nesta pandemia do novo coronavírus (Covid-19) por várias razões, em especial suspensão das atividades presenciais nas escolas e funcionários com idade acima de 60 anos ou que tenham algum tipo de comorbidade.
 
Em Mogi, a Prefeitura mantém um total de 5.411 servidores em seu quadro, dos quais 2.973 (54,9%) estão na modalidade revezamento ou teletrabalho, conforme decreto 19.462, de 19 de agosto de 2020.
 
Já em Poá, dos 2.770 funcionários, 1.021 estão em home office, sendo 156 com frequência abonada. Segundo a Prefeitura, a porcentagem de servidores em home office é de 36,86%.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias