Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 29 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 27/09/2020
Pmmc Sarampo
ÚNICCO POÁ
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
SOUZA ARAUJO
PMMC COVID SAÚDE
Suzano

Refis de Suzano é prorrogado até dezembro

30 SET 2015 - 19h52
O Programa de Recuperação e Estímulo ao Pagamento de Débitos Fiscais (Refis) de Suzano foi prorrogado para o dia 30 de dezembro. Assim o contribuinte que ainda não quitou suas dívidas com o município tem tempo de aderir ao programa. Basta procurar a Central de Atendimento da Receita e negociar os impostos.

Por meio do Refis, o contribuinte pode quitar dívidas com o município com até 100% de desconto em juros e multas ou parcelar em até 48 meses. “Estamos com uma adesão bastante positiva. A iniciativa de prorrogar até dezembro é importante para a administração e para a população, uma vez que esse montante é revertido em serviços públicos”, afirmou o secretário da Fazenda, Jorge Romanos.

Podem participar do Refis pessoa física ou jurídica em débito com impostos como IPTU, ISS, taxas ou multas administrativas (Vigilância Sanitária, Fiscalização de Posturas, entre outros). Após a adesão ao programa, o munícipe tem até cinco dias úteis para o pagamento da primeira parcela. Dívidas com o município impedem que o cidadão tire a Certidão Negativa de Débito (CND), que é essencial para uma série de transações financeiras e imobiliárias.

Os descontos são oferecidos da seguinte forma: 100% sobre a multa e os juros se a dívida for paga em parcela única; 90% de redução nos juros e 100% nas multas se o débito for parcelado em até três vezes; 80% de desconto nos juros e 100% nas multas se o munícipe optar por fracionar a dívida em até seis parcelas; para o parcelamento em 12 vezes o desconto será de 60% dos juros e multas; abatimento de 50% se for parcelado em 18 meses; 40% para quem pagar em 24 vezes e para liquidação em 36 ou 48 vezes, o abatimento será de 30% a 20%, respectivamente.

Os interessados em negociar devem comparecer ao Edifício Nacional, localizado na Rua Baruel, nº 430, no Centro, e apresentar documentos pessoais e boletos referentes aos débitos. O prédio funciona das 8 às 17 horas.
 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias