Envie seu vídeo(11) 4745-6900
Logo de aniversário de 60 anos
domingo 01 de agosto de 2021

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 01/08/2021
Cruzeiro do Sul
MAGIC CITY
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
Fraudes

Região tem 1,8 mil ligações clandestinas de água e energia

Irregularidades foram identificadas após inspeções no Alto Tietê

Por Matheus Cruz - de Suzano13 JUN 2021 - 16h00
Somente de energia elétrica são 1,5 mil ligações clandestinasFoto: Regiane Bento/DS
O Alto Tietê registrou ao menos 1,8 mil fraudes de ligações de água e energia elétrica.
Só de energia são 1.507 ligações irregulares em residências, comércios e indústrias na região, entre janeiro a abril deste ano, segundo a EDP. No mesmo período, a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), que distribui água na região, identificou 328 fraudes em encanamentos. A soma das infrações chega a 1.835 ligações clandestinas, os conhecidos “gatos”. 
 
Para se ter ideia da importância das fiscalizações da distribuidora de energia, com as 1.526 fraudes encontradas na região, o volume de energia “recuperada” seria suficiente para abastecer 2.387 residências por um ano. 
Entre os maiores problemas dos desvios, está o risco de vida dos envolvidos na prática criminosa. No caso das ligações elétricas, o crime pode expor o responsável e terceiros a choques elétricos, curtos-circuitos e até incêndios. Além disso, a prática também gera um impacto negativo na vida dos que pagam regularmente a conta de luz. 
 
De acordo com a EDP, como o cálculo do preço da tarifa de energia abrange também as perdas elétricas da Concessionária, o custo da energia usada irregularmente pelas pessoas que cometem os gatos é parcialmente repassado aos demais clientes, conforme regras da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Desta forma, a prática traz prejuízos para toda sociedade. 
Entre os desvios, o “gato” de encanamentos de água são menos comuns na comparação com a reincidência de registros de energia. De acordo com a Sabesp, em 2020 foram constatadas 1.112 irregularidades em ligações de água nas cidades de Arujá, Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Poá, Salesópolis, Suzano e Guararema, - além dos bairros atendidos pela companhia em Mogi das Cruzes. 
 
Ainda de acordo com a Sabesp, em 2021, no período de janeiro a abril, foram registradas 328 irregularidades. Na comparação com o mesmo período no ano passado, a companhia calcula que houve um acréscimo de 13% nas irregularidades constatadas, devido à modernização dos equipamentos e treinamentos constantes do trabalho de fiscalização, que são intensificados todos os anos. 
 
Denúncias 
 
Além de reforçarem as ações de fiscalizações, as distribuidoras de água e energia possuem ferramentas para denúncias de ligações clandestinas. A EDP disponibiliza canais de atendimento, como o EDP Online, www.edponline.com.br, o aplicativo EDP Online, disponível para smartphones, o Call Center (0800 721 0123) e as Agências de Atendimento ao Cliente. O sigilo é total e a inspeção é realizada com a máxima urgência. 
Na Sabesp, as denúncias podem ser feitas pela Central de Atendimento, pelo telefone 0800 055 0195 e também pelo Disque Denúncia, pelo número 181.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias