Envie seu vídeo(11) 4745-6900
sábado 25 de setembro de 2021

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 24/09/2021
ManArc
PMMC REDESCUBRA MOGI - TODA QUINTA
PMMC REDESCUBRA MOGI
SEC DE GOVERNO - CAMPANHA: CORONAVIRUS - VALE GÁS - FASE II
CREA-SP

Said Raful: ‘Sou candidato porque confio no potencial de Suzano’

02 SET 2016 - 08h01

Candidato pela primeira vez a prefeito, o vereador Said Raful (PSD), conta, em entrevista ao DS, sobre sua campanha eleitoral e as propostas que tem em seu plano de governo. Para ele, o orçamento previsto para o próximo ano é o suficiente para realizar ações de melhorias nos setores da saúde, educação, segurança e lazer. Na chapa, junto com ele, está o candidato a vice, Pastor Paulo Silva (PSC).

Formado em engenharia civil e administração, Said, que é natural de Suzano, casado e tem dois filhos, conta que começou a se envolver com política desde garoto, devido à influência da família. Em 2004, o político se candidatou para vereador pela primeira vez e no pleito seguinte foi eleito. Está em seu segundo mandato. O candidato também foi vice-presidente e presidente da Câmara.

Segundo ele, sua trajetória como político que o motivou a se candidatar a prefeito. "Acho que a cidade passa por um momento difícil. A gente não tem há algum tempo um bom administrador. Eu tenho participação na política, experiência desde garoto. Tudo esse contexto me fez tomar a decisão de me colocar a disposição. Eu tenho conhecimento e vontade".

O candidato conta que sua campanha tem sido feita em caminhadas por bairros. Antes do início do período eleitoral, Said realizou pré-campanha para ouvir a população. "Estamos bastante ativos, fazendo caminhadas e reuniões constantes". Para ele, saúde, segurança e educação são os problemas mais relatados pela população. "As coisas mais reivindicadas pela população é a saúde da cidade, a segurança e o povo reclama muito da falta de vaga nas creches e a estrutura que a educação tem oferecido", comentou.

Os problemas com zeladoria também são apontados pela população. "Outra coisa é manutenção da cidade. Limpeza das ruas, sistema viário, asfalto, buracos. Isso é uma coisa que atrapalha muito a cidade", comentou Said. O candidato afirma que já percorreu quase todos os bairros. "Andar nos bairros é uma coisa diária nossa. Porque a atuação nossa de vereador também inclui isso. É por isso que digo que estou preparado para ser prefeito".

Para dar maior apoio a campanha, Said conta que também tem utilizando a internet como meio de divulgação. "É um dos principais meios de busca de informação da população. Então a gente se posiciona na internet e explica para as pessoas quem a gente é, o que a gente está fazendo na campanha e quais nossas propostas".

Estas propostas, segundo o candidato, envolvem saúde, educação, segurança e lazer. "A primeira coisa é organizar a parte administrativa de Suzano. Temos um modelo de gestão ineficiente. Depois, vamos fazer o que tem que fazer. A rede pública de saúde da cidade tem que funcionar. Abastecer os postos de remédios. Tenho certeza que em 30 dias eu consigo. Fazer uma melhor escala de médicos e fazer com que todas as unidades tenham um número de funcionários necessários para atender a demanda da população, além de terminar obras que estão inacabadas na saúde, como a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Revista, fazer funcionar de forma efetiva, o PA (Pronto Atendimento de Palmeiras e a UBS do Boa Vista transformar o atendimento em 24 horas".

Na educação, o candidato quer reorganizar a estrutura educacional, aumentar o número de vagas em creches e dar apoio aos professores, com plano de carreira e condições melhores de trabalho, além disponibilizar o material para os alunos no início do ano letivo e melhorar a qualidade da merenda.

O candidato também tem propostas para a cultura e o esporte. "Na década de 70, o município tinha várias unidades onde os alunos faziam vários esportes. Nos Jogos Regionais, Suzano sempre ficava bem qualificada, por conta de que lá atrás houve oportunidade de várias pessoas praticarem esporte. Isso é coisa simples, dá para fazer, tem que ter criatividade e vontade". Said também citou a criação de unidades para dar atividades de música e dança.

Para ele, o orçamento é suficiente para as melhorias que a cidade possui. "A gente não está falando de construir um hospital, apesar de que Suzano precisa ter isso como objetivo. São propostas totalmente viáveis. Dinheiro tem, mas precisa ser bem gerenciado", explicou. Também afirma que pretende investir na Guarda Civil Municipal para aumentar o efetivo e fazer portais de segurança nas entradas da cidade.

Se eleito, o candidato diz que formará sua equipe de secretários com qualificações e técnica. "Não é uma chapa de aluguel em véspera de eleição, para que as pessoas que participem consigam um cargo. Não temos compromisso político com isso" comentou. Ele ainda comentou que o apoio dos políticos Estevam Galvão (DEM) e do prefeito de Mogi das Cruzes, Marco Bertaiolli reflete a confiança deles em sua capacidade.

Fora da política, Said conta que gosta de ficar com a mulher e os filhos e acompanhar as disputas de futebol da cidade. "Eu sou uma pessoa bem familiar, caseira. Gosto de ficar em casa com meus filhos, minha esposa e gosto de cozinhar". Como mensagem aos eleitores, o candidato afirma: "Acho que apesar de todas as dificuldades que a gente vê na cidade, a gente tem que olhar para a cidade de um ponto de vista positivo e entender que Suzano tem potencial. Eu estou hoje como candidato porque eu confio nesse potencial".

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias