Envie seu vídeo(11) 97569-1373
domingo 22 de setembro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 21/09/2019
PMMC ENTREGAS
Centerplex 19 a 25/09

Secretaria de Desenvolvimento Econômico faz cadastramento de artesãos de Suzano

Iniciativa visa a criação de uma carteira municipal para participação em eventos e atividades; atendimento deve ser agendado até o próximo dia 23 (sexta-feira)

Por de Suzano16 AGO 2019 - 16h07
Inscrições ocorrerão no Centro Unificado de Serviços, na Avenida Paulo PortelaFoto: Wanderley Costa/Secop Suzano

Artesãos de Suzano estão sendo chamadas para se cadastrarem junto à Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego. A iniciativa visa a criação de uma carteira municipal para seletivas em feiras de negócios, participação na futura Casa do Artesão, acesso a cursos, representação do artesanato suzanense fora do município, entre outras ações de valorização da categoria.

Os interessados devem agendar atendimento até o próximo dia 23 (sexta-feira), por meio do telefone (11) 4742-9579 ou pessoalmente, na sala 211 do Centro Unificado de Serviços (Centrus), localizado na avenida Paulo Portela, 210, na região central.  

De acordo com a responsável pelo Departamento de Desenvolvimento de Negócios e Turismo, Ana Rosa Augusto, o chamamento é inédito no município e segue em conformidade com a lei municipal nº 5.177/2019, que institui o Programa Municipal de Valorização do Artesanato e do Artesão de Suzano. O cadastramento tem o objetivo de mapear e certificar a categoria, sendo que hoje a cidade conta com cerca de 130 profissionais.

“Queremos valorizar o artesão e descobrir nossa vocação. A partir do cadastramento, poderemos entender as necessidades para viabilizar a atividade, com a criação de feiras e cursos voltados a cada segmento”, explicou. Após o período de agendamento, cada artesão passará por uma prova de confecção durante atendimento na sede do Departamento de Desenvolvimento de Negócios e Turismo.

O chamamento determina que o participante comprove residência em Suzano e demonstre domínio da técnica com produtos contemplados na Base Conceitual do Artesanato Paulista. “O processo será fotografado e avaliado, pois precisamos garantir um critério de qualidade”, disse.  

Ana Rosa ainda antecipou que a ideia da Comissão de Promoção do Artesanato de Suzano, atualmente formada por integrantes das Secretarias de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego e de Cultura e pelo Serviço de Ação Social e Projetos Especiais (Saspe), é de que seja criado um calendário mensal de feiras de artesanato na cidade, em locais estratégicos e possivelmente segmentadas.

Além disso, com a carteira municipal do artesão, ainda será possível viabilizar a participação em festas tradicionais da cidade. “Esta ação também reflete no turismo e no comércio suzanense, garantindo mais desenvolvimento ao município”, concluiu.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias