Envie seu vídeo(11) 97569-1373
segunda 23 de setembro de 2019

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 21/09/2019
Centerplex 19 a 25/09
PMMC ENTREGAS
Suzano

Setor de Zoonoses fará vistoria em praça após queixas de infestação de ratos

Setor vai verificar a situação para tomar as medidas necessárias, e pede para que denúncias sejam pelo telefone

Por Daniel Marques - de Suzano23 AGO 2019 - 00h04
Setor de Zoonoses fará vistoria em praça após queixas de infestação de ratosFoto: Sabrina Silva/DS
Frequentadores e comerciantes da Praça João Pessoa, em Suzano, denunciam uma infestação de ratos neste que é um dos pontos mais movimentados e importantes da cidade.
 
Segundo relatos, a presença da praga urbana era comum, mas se agravou nos últimos dias. Quem passa mais tempo na praça, como vendedores, por exemplo, afirmam que, em alguns momentos, é possível ver vários ratos e ratazanas.
 
À noite, os bichos ficam "passeando" no local. Em vídeos que circulam pela internet, é possível ver dezenas deles juntos. Os animais correm em direção às sacolas de lixo, pegam restos de comida e voltam para as tocas. 
 
E são várias tocas espalhadas por toda a praça. O engraxate José Edivaldo, 38, diz que já jogou veneno com pessoas da igreja, mas que não adiantou muito. "Antes eu não via, mas ultimamente estão aparecendo muitos ratos por aqui", conta.
Além dos ratos, a quantidade de pombos que ficam na praça é assustadora. As aves ficam concentradas em pontos específicos da praça e colocam em risco a integridade física de pessoas que passam perto, voando na direção delas.
 
Tânia Ferreira, 51, fala que o problema é causado por marmitas que são doadas às pessoas em situação de rua. Segundo a vendedora, restos de comida são jogados pela praça e nos cantos das árvores, o que atrai os animais. "Eles recebem a comida, mas não comem e jogam por aí. Isso acaba nos prejudicando, porque trabalhamos vendendo alimento", lamenta.
 
"Nós escolhemos um lugar higienizado para ficar, mas temos que tomar muito cuidado com a higiene. Usamos muito álcool em gel e limpamos tudo por aqui", conta Vandilza Ferreira, 53, que vende pastéis na praça. Já para o taxista Jeferson Jesus, 38, a culpa é dos "food trucks" que estão espalhados nas redondezas da praça. "Esses animais saem das bocas de lobo por causa desses carros, que ficam vendendo lanche e jogando o resíduo nelas", reclama.
 
Prefeitura
 
A Vigilância de Zoonoses de Suzano, por meio de nota, pede para que as pessoas evitem descartar restos de comida na rua, tanto os oferecidos às pessoas em situação de rua quanto aos animais.
 
O setor vai verificar a situação para tomar as medidas necessárias, e pede para que informações e denúncias sobre os ratos sejam feitas pelo telefone 4745-2064.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias