Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 30 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 30/10/2020
PMMC OUT ROSA
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
Pms Coronavírus - Fase Verde
Reisinger Ferreira
Pmmc Sarampo Outubro

Sindicato cobra manutenção em portas giratórias das agências

27 MAR 2016 - 08h01

O Sindicato dos Bancários de Mogi das Cruzes, Suzano e região cobra das agências bancárias a ampliação da manutenção preventiva e o aprimoramento dos dispositivos tecnológico das portas giratórias que vem causando contínuas queixas por parte dos usuários. Em Suzano, usuários relatam que já sofreram ou sofrem constrangimentos ao entrar em algum banco do município. Conforme o DS publicou na semana passada, o assunto gerou inclusive umamoção de repúdio na Câmara Municipal contra a Caixa Econômica Federal.

Nas ruas, os relatos à reportagem sobre os constrangimentos foram frequente. Isto porque munícipes contaram as experiências vividas em idas aos bancos de Suzano e região. "Tenho uma haste no braço, e por muitas vezes fui barrado. É embaraçoso quando isso acontece", conta o auxiliar de contabilidade Henrique Augusto, de 26 anos.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Bancários, Francisco Candido, a porta giratória é um item imprescindível para a segurança de todos, mas alerta sobre a necessidade de um investimento maior por parte dos bancos. "Estatisticamente, o dispositivo reduz expressivamente o cometimento de roubos. Mas, deve ter um investimento maior em tecnologia e manutenção para se evitar que os usuários passem por constrangimentos desnecessários".

Candido ressaltou ainda que o sindicato comunicará as queixas aos departamentos de manutenção das agências bancárias para evitar tais problemas. "Vamos alertá-los para que seja intensificada a conservação das portas giratórias". Além disso, o presidente contou que o sindicato tem abordado temas de segurança frequentemente. "Abordamos estes quesitos, inclusive, a manutenção e a melhor remuneração para os seguranças".

USUÁRIOS

Os suzanenses contam que as frequentes idas às agências bancárias, resultam, constantemente, em situações embaraçosas. "Maioria das vezes algum ferro da minha bolsa acusa no detector. Ainda mais quando estou com as crianças, sendo que elas carregam as mochilas que também acusam algum objeto metálico. Ai tem que tirar tudo e mostrar ou guardar nos armários", enfatizou a contadora Cristina Nascimento, de 30 anos.

A vendedora Marília Spinelli sugere que haja uma fiscalização que possa diminuir as reclamações. "Grande parte das pessoas que acaba 'barrada' na porta giratória é idosa, por isso deveria ter um controle, um método preventivo para evitar certas situações".

A Prefeitura Municipal informou que a fiscalização é realizada quando recebem denúncias.

Por fim, Candido destaca que muitos itens de segurança podem causar direta ou indiretamente constrangimentos às pessoas. "Quando o sistema de segurança começa a funcionar, as pessoas acabam ficando constrangidas. No entanto, tudo é de forma para que proporcione uma melhor comodidade e conforto a todos", finalizou.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias