Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 27 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 27/10/2020
PMMC MULTI 2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC OUT ROSA
SOUZA ARAUJO
Reisinger Ferreira

Sr. Barriga vem a Suzano pela 1ª vez e emociona multidão

13 OUT 2015 - 08h01

Centenas de adultos e crianças, que estiveram no final da manhã de ontem na área central do shopping de Suzano, tiveram a oportunidade de presenciar uma célebre aparição do ator Edgar Vivar, o Sr. Barriga, um dos principais personagens do seriado "Chaves", exibido há 25 anos pelo SBT. Esta foi a primeira vez que o ator esteve em Suzano e a 11ª vez, no País.

O público, emocionado, prestigiou, por uma hora, a presença do mexicano, que visitou a réplica da "Vila do Chaves" para promover o aplicativo para celular "Desafio do Chaves - Acapulco", destinado a crianças entre 3 e 7 anos. "Nunca vim a esta cidade. É a minha primeira vez em Suzano. Não falo muito bem português. Espero que vocês me ajudem", disse, em seguida, ovacionado pela multidão. Simpático, o ator posou para as lentes de fotógrafos profissionais e para as a plateia. O ator ainda assinou itens dos personagens do seriado "Chaves".

De acordo com informações da assessoria de imprensa do shopping, às 2 horas de segunda-feira já haviam pessoas na fila esperando para pegar senhas e conferir a exposição. Até o início da tarde de ontem, cinco mil ingressos haviam sido distribuídos para visitações. Hoje é o último dia para conferir a exposição, das 10h10 às 21h40.

Ontem não faltaram crianças sobre os ombros de pais e mães, tentando disputar um espaço para ver de perto Vivar. Muitos ainda usavam camisetas e outros itens que lembravam os personagens da vila mais famosa da América Latina. A família da dona de casa Bruna Maria Izidoro, de 37 anos, foi uma das que fez questão de participar do evento e que não perdeu a oportunidade de ir "a caráter". Acompanhada do marido e dos dois filhos, de 3 e de 7 anos, ela confessou que, assim como muitos adultos, gosta muito do seriado que projetou o Sr. Barriga e companhia. "Nós vimos a mesma 'vila' quando estava no shopping de São José (dos Campos). Então, hoje viemos até aqui para ver o Edgar Vivar mesmo".

Após o contato com o público, o ator falou com a imprensa e confessou estar impressionado com a recepção dos suzanenses. "Nunca pensei que chegaria a Suzano. Nunca pensei que houvesse tanta gente, tanto amor, tanto entusiasmo. Eu me sinto muito feliz. É produto do meu trabalho". Sobre o possível motivo do seriado ainda fazer tanto sucesso mesmo após quase três décadas do episódio final, Vivar foi sucinto. "Acho que é porque todo mundo conhece alguém semelhante ao Sr. Madruga, ao Kiko, um cara suficientemente inteligente para não pagar aluguel ou uma senhora com um carinho muito grande pelo filho", observou, atentando ainda que o segredo também esteja no fato do seriado não usar de artifícios apelativos, de duplo-sentido ou palavrões para chamar a atenção do público.

"Eu sou humano, eu me comovo", disse, lembrando que muitos fãs têm menos de 20 anos e não eram nem nascidos quando o seriado foi lançado, em 1971. "Sou abençoado por Deus".

Questionado sobre qual considera o episódio mais marcante, Vivar, assim como muitos fãs, apontou duas cenas em especial. A primeira é o que toda a vila parte em férias para em Acapulco. "Teve duas cenas nesse episódio, uma foi a do 'Boa Noite Vizinhança", apontou, lembrando que Chaves, interpretado pelo já falecido Roberto Bolaños, seguiu caminhando sozinho pela praia após todos se despedirem ao final de um luau. "Isso foi emocionante. E depois, no Natal, um episódio em que o Sr. Barriga dava presente para todos e o Chaves decidiu dar o caminhãozinho (que ganhou) para o filho da porteira. Ele não tinha nada e mesmo assim, deu o presentinho".

Para finalizar, Vivar disse "ao estilo Sr. Barriga" a frase que os fãs mais lhe pedem para repetir: "Tinha que ser o Chaves de novo".

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias