Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 05 de agosto de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 04/08/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Suzano publica decreto e confirma abertura de barbearias e academias

Apesar das mudanças e permissões, alguns espaços públicos de grande frequentação ainda não estão autorizados a abrir

Por de Suzano13 JUL 2020 - 21h13
Prefeitura publicou nesta segunda-feira (13/07) o decreto municipal sobre aberturaFoto: Regiane Bento/Divulgação
A Prefeitura de Suzano publicou nesta segunda-feira (13/07) o decreto municipal nº 9.485/2020, que oficializa a cidade na Fase 3 – Amarela do Plano São Paulo de retomada das atividades durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). A partir de agora, salões de beleza, barbearias e academias de esportes e de ginástica poderão voltar a funcionar, enquanto restaurantes, bares e similares estão autorizados a ter consumo no local. No entanto, apesar da maior flexibilização neste momento, alguns espaços públicos de grande frequentação ainda não estão autorizados a abrir, a exemplo do Parque Max Feffer.
 
As regras e medidas divulgadas na publicação desta segunda-feira se juntam às demais determinações já previstas no decreto municipal nº 9.432/2020. De acordo com a Secretaria Municipal de Assuntos Jurídicos, ainda que na capital parques e lugares de visitação pública tenham sido reabertos, a decisão foi da prefeitura local, que já está há uma semana na Fase 3 – Amarela, e não do governo do Estado. Em Suzano, a razão para não haver medida semelhante no Parque Max Feffer é a de que lá está abrigado o Hospital de Quarentena, que deverá seguir com atendimento de pacientes com Covid-19, pelo menos, até o fim deste mês.
 
Além disso, a Arena Suzano (onde ficam os leitos) e suas imediações deverão permanecer temporariamente isoladas como medida sanitária até que seja segura a reabertura. Isso impacta também nos outros setores abrangidos pela área como Viveiro Municipal Tomoe Uemura, Play Pet, Suzano Skate Park, Piscina Municipal Daniel Fiamini Geremias, Pavilhão da Cultura Afro-Brasileira Zumbi dos Palmares, Centro de Formação de Atletas Maurice Bou Assi e demais equipamentos e espaços de lazer e para práticas esportivas.
 
Alimentação
 
Com a cidade na Fase 3 – Amarela, uma das mudanças é que restaurantes, bares, lanchonetes e similares podem permitir consumo no local, com algumas restrições, como capacidade limitada a 40% e período de funcionamento entre 11 e 17 horas. Isso vale, inclusive, para o centro de compras do município, o Suzano Shopping, que desativou 70% das mesas da praça de alimentação, fez demarcações no solo para garantir o distanciamento nas filas, instalou dispensadores de álcool e lavatórios, entre outras ações. Lá, a limitação de clientes está em 20% e o período de funcionamento é das 13 às 20 horas.
 
A reclassificação de Suzano no Plano São Paulo permitirá aos estabelecimentos comerciais e de prestação de serviços funcionarem seis horas por dia e com 40% da capacidade – à exceção das academias de esportes e ginástica, onde foi definido o máximo de 30% e apenas aulas e atividades individuais.
 
Todos os demais protocolos de higiene foram reforçados para trabalhadores e consumidores: uso de máscara e “face shield” (colaboradores), distanciamento de dois metros entre as pessoas e limpeza constante das mãos com água e sabão ou álcool em gel 70%. O período de quarentena foi prorrogado até 30 de julho. O governo estadual deve se manifestar novamente sobre o Plano São Paulo no próximo dia 24 (sexta-feira).

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias