Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 29 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 29/09/2020
Pmmc Sarampo
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
SOUZA ARAUJO
PMMC COVID SAÚDE
ÚNICCO POÁ

Suzano sofre 3 ‘apagões’ em dez dias; concessionária vai investigar

14 FEV 2016 - 07h01

Comerciantes e donos de residências de Suzano estão assombrados com a série de “apagões” na cidade. Em dez dias foram três. Entre as ruas mais afetadas estão a Felício de Camargo, Campos Salles, Monsenhor Nuno e a General Francisco Glicério. Os bairros também sofreram com o problema. As quedas de energia também são outro transtorno. O problema tem causado muitas dificuldades aos condutores e comerciantes, já que os semáforos e os estabelecimentos comerciais param de funcionar. Nem a igreja católica escapou do “fantasma”. A missa da Quarta-Feira de Cinzas foi realizada “à luz de velas” porque acabou a energia no momento da cerimônica na Igreja Matriz, em Suzano. A EDP Bandeirantes, concessionária de energia elétrica, informou que está averiguando o caso.

A moradora de um prédio no Centro da cidade, Cida Bernardo, lembra a data e hora das ocorrências de falta de energia. "No dia 5 deste mês, obtivemos a queda por volta das 12h40 e só volta às 13h50, bem em frente ao Supermercado Extra. O motivo foi o transformador. Em menos de dois dias na última segunda-feira, aconteceu o mesmo das 17h20 e voltando às 18h30. E para nossa surpresa de quarta-feira de cinzas, ocorreu novamente das 18h30 voltando depois de várias ligações às 19h30. O pior e o mais agravante é que nesse período até voltar a energia, ficaram presos no elevador três moradores. Portanto, é lamentável essa situação, uma vez que não existe mais motivos".

Já a funcionária de um açougue, Adriana Soares, falou que os trabalhos foram prejudicados e tiveram que ser interrompidos. "Atrapalhou muito nas vendas, porque sem energia não tem como fazer nada. A máquina de cartão que é a principal não pegava. Está acontecendo muitas vezes, mas não sabemos o motivo".

O advogado Walter Cruz Teixeira, comentou que depende da internet no cotidiano e o problema está afetando bastante. "Tudo que faço preciso da internet e com esta falta de energia não está dando. Está ocorrendo muitas vezes e fica um bom tempo sem retornar. Já tentamos ver o que pode estar gerando este problema, mas não conseguimos".

O empresário de uma rede de segurança, Willer Franco, disse que teve que comprar aparelhos novos devido à queda. "Os apagões acontecem e muitas vezes ficam indo e voltando. Por conta disso, tive um prejuízo de R$ 80 para comprar novos aparelhos. Aqui na Felício de Camargo está tendo direto".

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias