Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 30 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 30/10/2020
PMMC MULTI 2020
Pmmc Sarampo Outubro
PMMC COVID VERDE
PMMC OUT ROSA
Reisinger Ferreira

Vacinação contra a gripe é antecipada e começa na próxima semana

30 MAR 2016 - 08h00

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou ontem a antecipação da vacinação contra gripe para cerca de 3,5 milhões de paulistas, incluindo as pessoas das cidades da região. As doses, que vão proteger a população contra os vírus do inverno de 2016 (A/California (H1N1), A/Hong Kong (H3N2) e B/Brisbane), começam a ser distribuídas no início da próxima semana. O anúncio foi feito em Guarulhos, quando o governador vistoriou as obras da Linha 13-Jade da CPTM (veja mais na página 3).

Inicialmente, receberão a vacina os profissionais de saúde de hospitais públicos e privados. Até 8 de abril, todos os hospitais desses municípios receberão as doses para a realização de campanhas internas.

Já a partir do dia 11 de abril, a vacinação será ampliada para as crianças maiores de 6 meses e menores de 5 anos, para as gestantes e para os idosos.

O calendário oficial previa que a vacinação começasse em 30 de abril.

Conforme diretriz do Ministério da Saúde, apenas os casos graves de gripe, caracterizados como Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), devem ser notificados obrigatoriamente pelos serviços de saúde.

Neste ano, até 22 de março, foram notificados 324 casos e 42 óbitos por SRAG no Estado de São Paulo atribuíveis ao vírus Influenza. Desse total, 260 casos e 38 óbitos foram relacionados ao vírus A (H1N1). Em 2015, foram 342 casos de SRAG notificados em todo o Estado, sendo 190 relacionados ao tipo A (H3N2). Do total de 65 óbitos registrados em 2015, 28 tiveram também relação com o A (H3N2).

Na região, 14 casos suspeitos de gripe H1N1 foram registrados neste ano. O número é 40% maior do que o computado no ano passado, quando dez notificações foram feitas. Porém, em 2015, dois casos haviam sido confirmados. Os dados são referentes a informações das secretarias de Saúde de Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes e Suzano.

A vacina contra a gripe distribuída na rede pública é produzida pelo Instituto Butantan, unidade ligada à Secretaria da Saúde, por meio de um processo de transferência de tecnologia.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias