Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 18 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 18/09/2020
PMMC COVID LAR
PMMC COVID SAÚDE
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Aprendendo a amar

11 OUT 2015 - 08h00

SUELIJesus nos ensinou a amar. Aliás, nós amamos porque Ele nos amou primeiro. E de forma prática. O amor de Jesus foi manifestado por atos, atitudes de amor verdadeiro. O amor Dele é tão grande que chega a nos constranger, porque, na realidade, não somos merecedores de tão maravilhoso amor! O amor de Jesus foi de renúncia e entrega - um amor incondicional! O apóstolo João diz em sua epístola - "Filhinhos, deixemos de dizer apenas que amamos as pessoas; vamos amá-las realmente e mostrar isso pelas nossas ações!". (I João 3:18)

É importante manifestar o amor. Faça questão de demonstrar afetividade para com as pessoas que estão a sua volta. Aprenda a ouvir com atenção, elogiar, abraçar, beijar. Está comprovado que o casal que demonstra carinho um pelo outro na presença dos filhos, abraçando-se, beijando-se, rindo juntos, fazendo tarefas juntos, está contribuindo para desenvolver segurança e afetividade nas crianças. Os pais devem ser atenciosos e carinhosos para com os filhos. Filhos pequenos necessitam muito de abraços e beijos. Filhos adolescentes carecem mais de elogios e encorajamento. Manifeste, verbalmente, o amor. Quantas vezes você declarou nesta semana a alguém de sua própria família que o (a) ama?! É comum presumirmos que as pessoas ao nosso redor sabem que nós as amamos. Mas nem sempre é assim que elas estão sentindo! Declarar amor deveria ser um exercício diário. Comece a praticar e, com o passar do tempo, isso será muito espontâneo e natural. O tempo para amar é hoje! O tempo gasto ao lado das pessoas que você ama terá valor por toda a vida.

Hoje em dia todos estão ocupados demais com as tarefas diárias e deixam, por exemplo, de gastar tempo com o que é importante. Como é gostoso um bom bate-papo, compartilhar ideias, rir juntos e até chorar juntos! Tudo isso deveria ser natural nos relacionamentos humanos; principalmente, na família. Mas, infelizmente, não é isso o que temos vivido. A marca do cristão é o amor. Jesus afirmou em João 13:35 que "todos saberão que somos seus discípulos, se tivermos amor genuíno uns pelos outros". Tudo terá fim. Só o amor permanecerá para sempre. Existe uma sede no mundo - sede de amor! Que sejamos usados por Deus para saciar essa sede, começando pelas nossas famílias!

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias