Envie seu vídeo(11) 97569-1373
segunda 06 de julho de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 04/07/2020
Cemeap
COLUNA

Jorge Lordello

delegado e escritor

Seu valor jamais será reconhecido por todas as pessoas

07 JAN 2020 - 23h59

Um pai, no leito de morte, lembrou que ainda faltava dar ao filho a última lição para a vida. Então, lhe disse: "Este é um relógio muito antigo, foi do teu bisavô, tem mais de 130 anos. Antes de ficares com ele como herança, vai ao café do outro lado da rua e tente vendê-lo para ver quanto vale". O filho lá foi. Quando voltou contou que a oferta fora de R$ 100". O genitor ponderou: "Agora vai à relojoaria no centro da cidade e veja quanto pagam". O jovem assim fez e no local indicado conseguiu uma oferta de R$500,00 pelo relógio. O idoso continuou com os ensinamentos: "Agora vá ao museu e mostra o relógio para um funcionário e tente levantar o valor aproximado". Quando ele voltou contou surpreso ao pai: "O senhor não vai acreditar, no museu me disseram que o relógio deve valer cerca de R$ 100 mil". O genitor completou a explicação: "Aprenda, filho, que o lugar certo valoriza o teu valor da maneira correta. Não fiques irritado por não te valorizarem no lugar errado. Conheça o seu valor, faça sempre o seu melhor e procure se aproximar, tanto na esfera de trabalho, como na de amizades e relacionamento afetivo, de pessoas que valorizem o que você tem de melhor a oferecer". Amigo leitor, por isso sempre digo que se deve fazer de tudo para manter a autoestima elevada, assim, ninguém terá o condão de depreciar ou colocar pra baixo. Se a opinião de terceiros te afeta, é porque você não está cuidando bem de sua autoimagem. Leve apenas em consideração as críticas construtivas, pois com elas poderás crescer.

BANNER APS DESKTOP

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias