Envie seu vídeo(11) 4745-6900
terça 28 de junho de 2022

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 28/06/2022
COLUNA

Sueli Barão

É evangélica, professora escreve aos domingos

‘A casa é tua, Senhor!’

19 JUN 2022 - 05h00

Quando Jesus voltar, Ele não virá mais para salvar os homens, mas sim para julgá-los. Pensamos sempre no Jesus Amoroso, bom, cheio de graça e misericórdia. De fato, Ele é tudo isso e muito mais, conforme nos mostra a Bíblia. Todavia, chegará o dia do julgamento de todos os seres humanos. Durante a sua vida aqui na Terra, Jesus curou, pregou, ensinou, amou até o fim. No céu, Ele é o nosso intercessor. Mas, quando voltar, Ele será o nosso juiz. Então, haverá uma separação - de um lado estarão aqueles que O receberam no coração como Salvador e Senhor; de outro, os que O rejeitaram. Como sabemos, Jesus não obriga ninguém a recebê-lo como Salvador. Ele bate suavemente na porta de nosso coração, querendo entrar. Mas só fará isso, se nós abrirmos a porta para Ele. O amor de Jesus é sempre inclusivo, é para todos, enquanto a porta da graça estiver aberta. Quando ela se fechar, haverá a separação. Muitos podem pensar em como um Deus Amoroso pode agir assim! Mas essa é a justiça de Deus! Justos e verdadeiros são os caminhos do Senhor! A justiça que Deus pratica é perfeita. Não é como a nossa! Por mais que desejemos ser justos, não conseguimos isso perfeitamente, porque não temos o atributo da onisciência, e somos falhos e limitados. Só Deus sabe tudo! Lemos em Apocalipse 3.20 - "Escutem! Eu estou à porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, Eu entrarei e cearei com Ele". Jesus deseja ardentemente entrar na sua casa. Ele está apenas esperando que você diga - "Senhor, venha morar comigo. A casa é Tua!" Muita gente acha que não precisa de Jesus, que vai dar um jeito sozinho em sua vida. Só que isso não está funcionando. Outros acham que a "casa" está suja demais; então, querem colocar a vida em ordem primeiro. Todavia, o que Jesus está dizendo é - "Filho (a), venha como você está, e Eu vou fazer tudo novo em sua vida". Convido você, querido leitor, a fazer uma avaliação de como está vivendo. Como andam as coisas? O que você gostaria que se fizesse novo? Haverá um tempo, não sabemos quando será, em que essa terra não existirá mais. Haverá um novo céu e uma nova terra. Ele (Jesus) enxugará todas as lágrimas de nossos olhos. Não haverá mais morte, nem tristeza, nem choro, nem dor. As coisas velhas já terão passado. Jesus fará novas todas as coisas. (Apocalipse 21.4) Tudo novo! Mas isso pode começar em sua vida agora! Há muita gente vivendo das lembranças de uma traição do passado, de erros cometidos no passado, de uma infância de sofrimento, de fracassos do passado ou, até mesmo, de vitórias do passado, como se Deus não tivesse coisas boas e novas para dar a eles. Deixe o passado no passado. Conserte, se possível, os erros cometidos; porém, o que importa é daqui para a frente. Deus tem uma nova vida para você! Não podemos viver o novo de Deus, se não nos despojarmos do velho, representado pelo nosso passado. Viver nos alimentando de pensamentos negativos, pensando em dar o troco àqueles que nos fizeram sofrer, nos roubaram, nos traíram, e nos atormentaram com atos perversos e palavras más nos impede de viver o novo. O apóstolo Paulo diz - "Quem está em Cristo é uma nova pessoa; acabou-se o que era velho, e já chegou o que é novo". (II Coríntios 5.17) Que coisa maravilhosa! Que milagre Jesus pode operar dentro de nós! Por pior que tenha sido o nosso passado, Ele pode tornar tudo novo! Há uma transformação acontecendo, de dentro para fora. O amor de Jesus suplanta a lógica e as regras humanas; seu amor considera a necessidade do ser amado, não o seu desempenho nem os seus méritos. Se estivéssemos ao lado de Jesus, quando prometeu o paraíso ao malfeitor que pediu para ser lembrado, quando Jesus chegasse lá, talvez não acharíamos isso justo. Quem sabe pensaríamos - "mas esse ladrão aprontou todas e, agora, no momento derradeiro, recebe a salvação e entra no reino dos céus assim tão facilmente!" Na contramão de tudo o que poderíamos pensar, a Bíblia nos diz que a salvação é dádiva de Deus, é pela fé em Jesus, é pela graça de Deus, é gratuita. Desse modo, hoje mesmo podemos abrir a porta da nossa casa, que é a nossa vida, dizendo - "Pode entrar Jesus, a casa é Tua".

 

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias