Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 07 de agosto de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 06/08/2020
PMMC ECOTIETÊ
Pmmc Mutirão da Catarata
PMMC  VACINAÇÃO - SARAMPO
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
COLUNA

Sueli Barão

É evangélica, professora escreve aos domingos

Sonhos que nos movem

04 JUL 2020 - 23h59
Chamamos de "sonho" aquilo que alguns chamam de visão, objetivo ou propósito de vida. O "sonho" parece algo distante demais para ser alcançado, mas é o que move a sua vida e se transforma no propósito de sua existência! Ninguém pode negar que é importante sabermos para onde nos movemos! Todo "sonho" demanda ações para que seja realizado; um planejamento estratégico. Uma empresa, por exemplo, precisa começar com uma visão, uma missão que se refere ao seu propósito - O que pretende alcançar? Em que posição deseja estar? Como deseja ser conhecida? Quais estratégias precisará usar para alcançar o seu propósito? E nós? Como estamos lidando com os nossos "sonhos"? Quem para de sonhar, para de viver. Nelson Mandela tinha um sonho. Um sonho lindo! - "Sonho com o dia em que todos se levantarão e compreenderão que foram feitos para viverem como irmãos". Lutando pelo seu sonho, Mandela permaneceu preso de 1964 a 1990. Nesses 26 anos, tornou-se o símbolo da luta anti-apartheid na África do Sul. Mesmo na prisão, conseguiu enviar cartas para organizar e incentivar a luta pelo fim da segregação racial no país. Neste período de prisão, recebeu apoio de vários segmentos sociais e governos do mundo todo. As circunstâncias não o imobilizaram! As circunstâncias podem nos limitar, mas não devem apagar os nossos sonhos. Em 1994, Mandela tornou-se o primeiro presidente negro da África do Sul. Governou o país até 1999, sendo responsável pelo fim do regime segregacionista no país e também pela reconciliação de grupos internos. 
Martin Luther King começou a sua luta contra a discriminação racial no estado do Alabama, envolvendo-se num conflito, no qual uma cidadã chamada Rosa Park recusou-se a ceder o seu lugar a um branco num transporte público. Liderou o movimento anti-segregacionista, sendo preso por conta disso. A Suprema Corte acabou por eliminar a segregação racial nos transportes públicos. A partir de 1957, intensificou a sua luta. Foi presidente da Conferência da Liderança Cristã do Sul, participou de diversos eventos e passeatas. Por conta disso, foi preso e torturado. O evento mais importante de sua vida foi quando conseguiu reunir 200.000 pessoas e proferiu o lema - "Eu tenho um sonho". O discurso foi tão importante que deu origem à lei dos Direitos Civis de 1964. Em 1965, foi publicada a lei dos direitos de voto dos negros.
Com certeza, você já experimentou uma coca-cola, não é mesmo? Tudo começou com a ideia de Robert Woodruff. Ele foi presidente da coca-cola de 1923 a 1955. Sendo o principal executivo dessa companhia, teve a ousadia de declarar: "Faremos com que todo homem que vista uniforme possa conseguir uma garrafa de coca-cola a preço baixo, sem importar onde ele esteja e qual seu custo real". Depois da II Guerra Mundial, Woodruff declarou que durante a sua vida, desejava que todo mundo provasse uma coca-cola. Com esse sonho em mente, planificação e persistência, Woodruff e seus assistentes conseguiram que a coca-cola chegasse a todo o mundo, em sua geração. Sonhar não é delírio, ilusão, fantasia. É, sim, tomar posse do sonho, lutar por ele, crendo e agindo, pagando o preço para que ele se torne realidade. Para alcançarmos os nossos sonhos precisamos ser perseverantes, não desistindo mesmo diante das dificuldades. Quantas pessoas já deixaram de sonhar?! Quantas nem ousam sonhar?! Jesus disse que "aquele que cresse Nele faria também as obras que Ele fez e outras maiores ainda". (João 14:12) Sonhe, pois quem sonha vai mais longe! 
BANNER APS DESKTOP
Pmmc Mutirão da Catarata
LIBERTY
PMMC ECOTIETÊ

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias