Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
domingo 27 de maio de 2018

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 26/05/2018
MRV WEB - SUPREME

Mostra em homenagem aos 10 anos da Oficina Divineira fica até 21 de maio no Centro Cultural

Na mostra, o visitante encontrará um pequeno acervo de Divinos devocionais e outros objetos que serviram de inspiração e material didático para a educação patrimonial que foi ofertada aos participantes

Por de Mogi16 MAI 2018 - 19h19
Projeto tem por missão preservar e resgatar a cultura popular e estimular o melhor entendimento e conhecimento das tradições populares, em especial a Festa do Divino Espírito Santo de Mogi das CruzesFoto: Guilherme Berti/PMMC

Enquanto a cidade recebe a Festa do Divino Espírito Santo, a Galeria de Artes Wanda Coelho Barbieri, no Centro Cultural de Mogi das Cruzes, é palco até o dia 21 de maio para a mostra “Deus vos salve esse devoto”. Organizada pela Secretaria Municipal de Cultura, a exposição celebra os dez anos da Oficina Divineira e pode ser visitada gratuitamente de segunda a sábado, das 8h às 18h, conforme o funcionamento do espaço.

Na mostra, o visitante encontrará um pequeno acervo de Divinos devocionais e outros objetos que serviram de inspiração e material didático para a educação patrimonial que foi ofertada aos participantes. Encontrará também uma parcela dos trabalhos confeccionados, podendo ainda perceber a evolução criativa dos artistas e artesãos.

O projeto tem por missão preservar e resgatar a cultura popular e estimular o melhor entendimento e conhecimento das tradições populares, em especial a Festa do Divino Espírito Santo de Mogi das Cruzes. A exposição é fruto de uma década de debates e estudos, que culminou com o desenvolvimento da criatividade dos artistas participantes.

Entre os trabalhos expostos, a mostra reúne carros de bois, bandeiras, maquetes rurais, estandartes, broches, miniaturas de personagens de congadas, doceiras, rezadeiras, esplendores, oratórios, entre outros objetos que podem ser usados na decoração ou como acessórios pessoais.

Alguns destaques são os estandartes do Movimento Cultural Ecumênico, peças do acervo de Roberto Lemes Cardoso, oratórios e esplendores de Antonio Lúcio de Lima.

Na lista de artesãos e artistas participantes, estão Maria do Carmo Vieira Socca, Guida Menezes, Sandra Lopes, AnaMarB, Olga Nóbrega, Jorge Solyano, Luiza Kraus, Guiomar Gomes Pereira, Andrea Nunes, Celia Boratto, Regina Kato e outros.

Ao longo dos dez anos em que existe, o projeto Oficina Divineira já contou com a participação de 150 artesãos. Anualmente, cerca de 50 participam da quermesse na Festa do Divino, dividindo espaço com a Mostra Denerjânio Tavares de Lyra, que é outro projeto da Secretaria de Cultura.

O Centro Cultural de Mogi das Cruzes fica na Praça Monsenhor Roque Pinto de Barros, 360, no Centro. 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias