Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 29 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 27/09/2020
ÚNICCO POÁ
PMMC COVID SAÚDE
SOUZA ARAUJO
Pmmc Sarampo
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

18 pessoas morrem em acidente com ônibus na Mogi-Bertioga; 28 ficam feridos

09 JUN 2016 - 15h41
Sete mortos no grave acidente envolvendo um ônibus fretado da União Litoral, na noite de ontem, na Rodovia Dom Paulo Rolim Loureiro (SP-98), a Mogi-Bertioga, já foram identificados. O acidente deixou 18 vítimas fatais. Os corpos foram enviados, para o Instituto Médico Legal (IML) de Guarujá. Pelo menos, outras 28 pessoas ficaram feridas. O veículo transportava estudantes da Universidade de Mogi das Cruzes (UMC) e da Universidade Braz Cubas (UBC). Os mortos identificados são os estudantes Ana Carolina da Cruz Veloso, de 23 anos, Damião Nunes Braz dos Santos, 36 anos, Aldo da Silva Carvalho, de 26 anos, Gabriela da Silva Santos Oliveira, de 24 anos, Janaína Oliveira, de 20 anos, Rita de Cássia do Carmo, de 18 anos e o estudante Rafael Santos do Carmo, de 18 anos.
 O acidente aconteceu no quilômetro 84 da rodovia. Segundo informações iniciais, o motorista perdeu o controle do veículo, que capotou e bateu em um rochedo. A via ficou interditada nos dois sentidos para o socorro das vítimas. Viaturas do Samu da região (Mogi, Suzano e Ferraz) ajudaram na ocorrência. Informações iniciais da Polícia Civil afirmam que o motorista estava em alta velocidade, mas somente as investigações determinarão a causa do acidente.
O prefeito de Mogi das Cruzes, Marco Bertaiolli (PSD), decretou luto oficial de três dias a contar do dia de hoje.  "Estamos todos consternados com este acidente. É muito triste e só temos a lamentar as vidas que se foram. Pedimos a Deus que conforte e dê alento a estas famílias", disse o prefeito. As universidades de Mogi também decretaram luto e suspenderam as aulas
O governador Gerado Alckmin (PSDB) determinou que mais médicos legistas fossem enviados ao Instituto Médico Legal (IML) de Guarujá para ajudar na identificação das vítimas. O presidente em exercício, Michel Temer (PMDB) lamentou a morte dos universitários, por meio de sua conta no Twitter. "Estou chocado com o acidente que vitimou tantos jovens em São Paulo. Vou chamar os órgãos de fiscalização para evitar que se repitam tragédias como essa".
 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias