Envie seu vídeo(11) 97569-1373
domingo 25 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 25/10/2020
PMMC COVID VERDE
PMMC OUT ROSA
ÚNICCO POÁ
Pmmc Sarampo Outubro
SOUZA ARAUJO

Apreendidas 4.655 pedras de crack, cocaína e êxtase

06 OUT 2015 - 08h01

Uma equipe da Polícia Militar (PM) de Itaquaquecetuba apreendeu, na tarde de ontem, 4.655 pedras de crack, mil invólucros de maconha, 500 microtubos de cocaína, 160 frascos de lança-perfume, 13 invólucros de êxtase e mais 13 invólucros de skank, também conhecido como supermaconha.

As drogas estavam guardadas em uma casa, de dois cômodos, no Jardim Monte Belo. Aparentemente, um casal estaria envolvido no tráfico das drogas. No imóvel ainda foram encontrados, 15 aparelhos celulares, papéis com anotações da venda dos entorpecentes e documentos de identidade. Ninguém foi preso.

O soldado PM Eduardo e o cabo PM Guirão chegaram até o imóvel, localizado na Rua Valparaíso, por conta de uma denúncia recebida pela 1ª Companhia da PM, no qual alguém avisava que a "droga estava chegando".

Foi passado o endereço e também o nome de uma mulher. O policiamento se deslocou até o local e, ao chegarem, viram uma motocicleta estacionando na frente da casa. Sendo que os ocupantes, um homem e uma mulher, não usavam capacete. Quando avistou a viatura, o casal fugiu do local. A polícia os seguiu, mas não conseguiu abordá-los.

Voltando ao endereço fornecido pela denúncia, os policiais encontraram um idoso que saía do local. Quando foi abordado pela PM, ele informou que a mulher que estava sendo procurada morava na casa acima de sua residência.

Ao entrar no imóvel indicado pelo homem, os policiais encontraram na cozinha um armário de concreto com fundo falso, utilizado para esconder as drogas. Pela casa, foram achados dois documentos de identidade, sendo de um homem e de uma mulher. Pela foto na identidade, os policiais reconheceram a mulher como sendo a mesma que saiu fugindo na motocicleta. Em relação ao homem, os policiais não deram certeza de que os documentos achados seriam do mesmo indivíduo que estava pilotando a moto.

O caso segue para investigação. Os entorpecentes seguiram para perícia do Instituto de Criminalística (IC) de Mogi das Cruzes.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias