Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quarta 23 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 22/09/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC COVID SAÚDE

Chuvas deixam Poá submersa, trens parados e bairros da região alagados

18 FEV 2016 - 07h01

 Pela segunda vez em dois dias, as cidades da região ficaram alagadas em diversos trechos e foram prejudicadas por conta das chuvas. A pior situação registrada, na tarde e noite de ontem, foi em Poá. A cidade ficou praticamente inteira embaixo d'água e deixou motoristas e pessoas ilhadas. Em Ferraz, um carro caiu dentro de um córrego. Em Mogi, a sirene de alerta para avisar sobre possíveis alagamentos foi acionada. Em Suzano, diversos bairros ficaram alagados e feirantes foram prejudicados. Os trens da Linha 11-Coral pararam de circular (entre as estações Guaianazes e Poá) por conta de alagamentos em diversos pontos da linha férrea.

Em Poá, a área central ficou completamente alagada por conta do transbordamento do Córrego Itaim. Alguns carros ficaram submersos e as pessoas tiveram que aguardar, dentro dos veículos, a água abaixar. Além disso, um ônibus intermunicipal, com passageiros, também ficou parado em meio à água. Alguns veículos foram, inclusive, arrastados pela força da água, que também entrou em casas e comércios.

A sede da Cooperativa de Reciclagem Unidos Pelo Meio Ambiente (Cruma) também foi invadida pela água e os cooperados voltaram a ter prejuízos. Além disso, quatro árvores caíram. Somente ontem foram registrados 32,8 milímetros de chuva. A cidade havia passado por situação semelhante no início de janeiro. Na ocasião, os comerciantes foram os mais prejudicados.

Em Ferraz, também foram registrados diversos pontos de alagamentos. A situação mais preocupante foi a de um carro que caiu em um córrego da Rua Guaianases. A mulher foi socorrida e levada ao Hospital Regional da cidade. Populares auxiliaram no socorro. Uma retroescavadeira foi usada para auxiliar na retirada do veículo. Outro cenário preocupante foi registrado na estação de trem de Ferraz. Os trilhos ficaram submersos.

Em Suzano, alguns bairros registraram alagamentos, assim como a área central. Entre os locais atingidos estão o Jardim Quaresmeira, o Raffo, Vila Maluf e Conjunto Residencial Iraí.

A Rodovia Índio-Tibiriçá (SP-31) ficou alagada, na altura da base da Polícia Rodoviário. Por conta disso, houve congestionamento e os motoristas tinham dificuldades para trafegar pelo local.

Os feirantes da cidade também tiveram prejuízo. Por conta do vento e da chuva, algumas barracas viraram. Ontem, seria realizada a Feira Noturna no Largo da Feira e os feirantes se preparavam para as vendas. Mario Nakamura, de 44 anos, falou que perdeu os legumes e verduras por conta do ocorrido.

Em Mogi, alguns bairros ficaram sem energia. Houve alagamentos em César de Souza, Brás Cubas, na região central e no Mogilar. Além disso, duas quedas de árvores foram registradas.

CPTM

A Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) informou que a circulação foi interrompida por conta de alagamentos em diversos pontos. A Operação Paese foi acionada.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias