Envie seu vídeo(11) 97569-1373
segunda 30 de novembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 29/11/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC NOVEMBRO AZUL
PMMC MULTI 2020 NOV

Contemplados do Morar Bem II se reúnem com Izidro e temem invasão

24 MAR 2016 - 08h00

Os moradores contemplados para ocuparem as 188 casas do Morar Bem II, na Vila São Paulo se reuniram com o prefeito em exercício de Ferraz de Vasconcelos, José Izidro Neto (PMDB), para cobrar uma definição por parte da Prefeitura de Ferraz em relação às moradias. Até o próximo dia 15 de abril, a administração municipal terá uma planilha detalhada do que precisa ser feito de infraestrutura e quanto custará isso para que os moradores possam ocupar as moradias.



Na próxima semana, o prefeito e uma comissão de moradores, além dos vereadores Antonio Carlos Alves Correia (PSD), o Tonho e Cícero Rodrigues da Silva (PROS), o Cícero do Gás, se comprometeram a ir até o local para verificar a situação atual das casas e conversar com os moradores.



As 188 casas estão paradas e já foram ocupadas e sofreram reintegração de posse. Os moradores temem novas invasões e sugeriram à Prefeitura de Ferraz a ocupação das moradias da forma como está.



Em reunião realizada no gabinete na última terça-feira, Izidro afirmou que isso não é possível porque a administração municipal não pode autorizar a ocupação dos contemplados com a unidade. Se isso ocorrer, a Prefeitura de Ferraz estaria descumprindo cláusulas do contrato com o Ministério das Cidades.



Em contrapartida, o prefeito garantiu que após o levantamento dos custos com a infraestrutura deverá abrir, em seguida, uma licitação pública para concluir as casas e implantar a infraestrutura necessária: água, esgoto, águas pluviais e calçamento nas ruas. A Prefeitura de Ferraz tem um prazo até 31 de dezembro deste ano para dotar a área de infraestrutura, já que os moradores já esperam desde 2002 pelas moradias. Três reintegrações de posse já ocorreram no local.



“Já fomos várias vezes à Brasília propomos a mudança do programa para um padrão melhor, mas a CEF não autorizou. Vamos fazer de tudo para que estas casas sejam ocupadas por vocês, que já foram sorteados e estão até com o número das moradias. Estivemos já até com o ministro Gilberto Kassab. Estamos tentando resolver esta situação”, garantiu o prefeito.



O vereador Tonho também explicou aos moradores que, mesmo que haja novas ocupações, a Prefeitura, em conjunto com a Guarda Civil Municipal e a Polícia Militar, está atenta quanto a possíveis ocupações. “Vocês têm a numeração das casas, então não é possível que pessoas de fora invadam e fiquem por lá. A Justiça agirá rápido quanto a isso. Fiquem despreocupados”.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias