Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 18 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 18/09/2020
PMMC COVID LAR
PMMC COVID SAÚDE
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Expoá 2016 divulga programação e terá participação da colônia árabe

13 AGO 2016 - 08h01

A 44ª Exposição de Orquídeas e Plantas Ornamentais, a Expoá, acontecerá entre os dias 7 e 11 de setembro em Poá. Uma das novidades deste ano será a participação da colônia árabe do Alto Tietê, o objetivo da atuação é desmitificar os preconceitos contra a fé islâmica. A festa ainda contará com shows (veja tabela).

O secretário de Cultura de Poá, Douglas Aspasio, dá um panorama sobre o evento. "É uma festa da região, idealizado e realizada no Alto Tietê. Para esse ano temos muitas expectativas. O site da Expoá, www.expoa.sp.gov.br, está disponível e esperamos a visita de 250 mil pessoas ao evento. Nunca tivemos problemas com a segurança, e esse ano esperamos não ter também. A festa vai estimular a economia da cidade, por conta da quantidade de turistas que recebemos. Nosso tema dessa vez é a dança. Para o primeiro dia, a partir das 10 horas, teremos a apresentação de uma orquestra no ar, é uma performance inédita e imperdível".

O prefeito Marcos Borges (PPS) comenta sobre a participação da colônia árabe na festa. "A Expoá é muito esperada pela cidade porque eleva Poá a todo o Estado de São Paulo. Esse ano trará a participação da colônia árabe, representada pelo sheikh Hosni Abdelhamid, mostraremos o que é o islã. O que queremos é amor, paz e tranquilidade. É um momento de encontro com a fé, a cantora Bruna Karla e Pe. Alessandro também estarão presentes".

A colônia árabe divulgará a fé islã por meio de livros e diálogos. A cultura do Oriente Médio se fará presente na culinária e na dança. "O importante é mostrar a união e desmitificar os preconceitos contra a religião. Esclarecer que os ataques terroristas contra a sociedade nada têm relação com a nossa crença. Somos contra a discórdia. Queremos espaço para divulgar nossa doutrina", ressalta o sheikh Hosni.

Segundo o secretário de cultura, os convites para os shows deverão ser trocados por alimentos não perecíveis, a partir do dia 1º de setembro. Os mantimentos arrecadados serão direcionados para a promoção social. As performances neste ano acontecerão no Pavilhão de Exposições Prefeito José Massa, na Praça de Eventos Lucília Gomes Felippe. A festa ainda terá espaço para exposições e vendas de orquídeas e plantas ornamentais. Serão 40 expositores, sendo 29 de orquídeas e 11 de plantas ornamentais. E também encontros empresariais abertos, com 26 expositores do ramo.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias