Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sexta 18 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 18/09/2020
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC COVID SAÚDE
PMMC COVID LAR

Jornalista lança livro‘Amor entre Guerras’ hoje em Mogi

07 DEZ 2015 - 18h00
Marianne Nishihata lança hoje em Mogi das Cruzes, das 18 horas às 21h30, o livro "Amor entre Guerras". Apesar de ter nascido em São Paulo, ela se considera mogiana porque cresceu e estudou na cidade. Além disso, toda a família dela mora no município. A obra conta a história de um casal que se conheceu em Mogi das Cruzes e viveu um romance que resistiu ao preconceito. A autora conheceu a mulher que inspirou a obra de ficção baseada em fatos reais.

 

"Amor Entre Guerras" gira em torno da vida do japonês Alberto Tomiyo Yamada, que nasceu no Japão mas foi criado em Mogi das Cruzes, e da namorada Ilma Faria, uma carioca que também morava na cidade. "A família de Yamada não aceitava o namoro dos dois porque Ilma não era japonesa", revela a autora. Ao ser convocado para a 2a Guerra Mundial, ele declarou que preferia morrer em combate a não ficar com a amada, que sofria o preconceito pelas diferenças raciais. "Tomiyo Yamada era soldado da FEB e foi para um campo de batalha na Itália, de onde trocou cartas com a namorada, correspondências que ela me deu e que estão reproduzidas no livro", diz Marianne.

 

Por meio de uma linguagem romântica e de fácil entendimento, o livro conta em 320 páginas o drama do soldado dado como morto e da moça persistente, que nunca acreditou na perda do amado, mesmo depois do anúncio das Forças Armadas de que ele havia falecido. "A obra mistura ficção com realidade, é uma história de amor e com a história do mundo, revelando detalhes da vida no Brasil e em Mogi das Cruzes em meados de 1940, em plena Segunda Guerra Mundial", frisa a escritora. Como nos filmes baseados em fatos reais, que retratam personagens que realmente existiram, no fim do livro fotos identificam os reais protagonistas da história.

Marianne Nishihata viveu em Mogi das Cruzes até os 20 anos e é formada em Jornalismo pela UMC. Depois de morar em Tóquio, trabalhando na revista Made in Japan, e de passar pelas redações do jornal Agora SP, do portal G1 e da revista Veja São Paulo, hoje ela atua como gerente de produtos digitais na Editora Abril. "Amor entre guerras" é seu primeiro romance e o livro é vendido na livraria Saraiva a R$ 34,90.

A sessão de autógrafos acontece hoje no Mogi Shopping, localizado na Avenida Vereador Narciso Yague Guimarães, 1.001 - Centro Cívico.
 

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias