Envie seu vídeo(11) 4745-6900
sábado 25 de setembro de 2021

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 24/09/2021

Entrevistas com candidatos

24 AGO 2016 - 08h00

O DS abre hoje, na Página 5 da Página de Cidades, a série de entrevistas com os candidatos a prefeito de Suzano. A candidata Carmen Lúcia Lorente (PSDB), a Carminha, estreia. O DS decidiu ouvir os sete candidatos a prefeito de Suzano e divulgará em ordem alfabética.

Esse trabalho jornalístico, de interrogar os candidatos, para saber sobre seus projetos é importante por algums motivos: dá ao leitor do jornal a oportunidade de saber um pouco das ideias e propostas dos “prefeituráveis”. Garante também a oportunidade para que o candidato se apresente, mostre seu trabalho e conte sobre perspectivas.

A série de entrevistas será publicada nas edição do DS, durante a semana. Começa hoje e vai até sexta-feira.

Dá pausa sábado e domingo. Retorna de segunda a sexta-feira da próxima semana.

O espaço dado a todos os candidatos é igual.

O leitor, que tem papel fundamental na decisão das eleições, é quem vai dizer quem será o melhor candidato. É evidente que a entrevista contribui para a escolha.

Mas o trabalho de campo dos candidatos nos bairros, suas propostas coerentes para a cidade são fundamentais nesse processo eleitoral.

As entrevistas são apenas uma das contribuições dadas para as eleições deste ano em Suzano.

O DS prepara para o dia 8 de setembro, às 10 horas, o debate entre os candidatos a prefeito. Também será importante porque a transmissão será feita ao vivo pelo site do jornal (www.diariodesuzano.com.br).

Será outra oportunidade de o candidato divulgar suas propostas; neste caso ao vivo.

Portanto, em um País democrático em que a notícia é um “bem comum” porque todos devem ter direito a ela, o DS traz um pouco da contribuição nessas eleições, em Suzano.

A decisão de quem será o prefeito será tomada de forma direta por um colegiado de eleitores que, com certeza, vai avaliar, estudar e se conscientizar sobre a importância da tomada de decisão.

O próximo prefeito assume em 2017 e, uma vez escolhido, terá a missão de honrar os votos que recebeu de todos os seus eleitores.

Terá de administrar para todos, independentemente se recebeu voto ou não de um determinado segmento.

É possível garantir um caminho, cada vez melhor, para a cidade. Basta escolher com consciência e o político eleito fazer a sua parte.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias