Envie seu vídeo(11) 97569-1373
sábado 26 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 26/09/2020
ÚNICCO POÁ
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC COVID SAÚDE
Pmmc Sarampo

Hospital de Quarentena

16 SET 2020 - 05h00
Um Hospital de Campanha é uma unidade hospitalar móvel, ou seja, pode ser construída em diferentes locais e depois desmontada. Com funcionamento temporário, essas unidades cuidam de pessoas atingidas por situações de emergências e calamidades públicas, como é o caso da pandemia da Covid-19, e garante que seus pacientes possam ser transferidos para centros de mais completos de saúde, caso necessário.
Em Suzano, o DS trouxe reportagem, mostrando que após 135 dias em funcionamento, o Hospital de Quarentena de Suzano encerrou os atendimentos aos pacientes diagnosticados com o novo coronavírus no último domingo (13). 
Aberto desde 30 de abril, foram realizados 272 atendimentos, sendo que 233 pacientes receberam o tratamento e tiveram alta médica, três foram transferidos para outras unidades de saúde e sete vieram a óbito.
Segundo informações da Prefeitura, o último paciente em tratamento no Hospital de Quarentena foi um homem de 54 anos e que recebeu alta no domingo. Agora, sem o apoio do equipamento levantado na Arena Suzano, o atendimento a pessoas com sintomas do novo coronavírus seguirá os mesmos procedimentos adotados até então, com consultas via telemedicina para orientações iniciais (pelo número 0800 484 8001).
Além disso, os munícipes contam com o Pronto-Socorro Municipal (PS) para acolhimento (com 9 leitos de enfermaria e 12 avançados), o Hospital Previna (com dez leitos de UTI alugados) e Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde (Cross), do governo do Estado de São Paulo, como retaguarda para internações em casos mais graves.
"Os hospitais de campanha se tornaram uma das principais saídas adotadas por cidades, estados e o próprio governo federal para contornar uma possível falta de leitos causada pelo novo coronavírus. Portanto, os hospitais de campanha, são construções que ficaram em andamento no Brasil e no mundo com o objetivo de atender a população em situações de emergências e calamidades públicas.
Neste caso, ao construir hospitais de campanha, o objetivo foi acolher restritamente a parcela dos casos confirmados de Covid-19 de baixa ou média complexidade. 
Um possível colapso do sistema público de saúde afetaria a todos, não só pacientes com Covid-19, daí a importância de um bom planejamento de saúde.
Sabendo disso, a construção de um hospital de campanha é “relativamente simples e uma opção viável”, afirmam especialistas. 
Porém, esse projeto deve ser realizado por profissionais capacitados, empresas do ramo e em alguns casos pelas forças armadas; além de necessitar do acompanhamento do Ministério da Infraestrutura e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).
Com a desativação do Hospital, o espaço na Arena Suzano vai passar por desinfecção e o espaço permanecerá fechado por pelo menos 30 dias.
Só depois o espaço será retomado para uso do esporte.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias