Envie seu vídeo(11) 97569-1373
quinta 01 de outubro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 01/10/2020
ÚNICCO POÁ
SOUZA ARAUJO
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO

Legado de imagem dos jogos

20 AGO 2016 - 08h00

As Olimpíadas vão se encerrar e a pergunta é se ficará algum legado para o Rio de Janeiro e o País? As expectativas são otimistas.

A expectativa do legado da imagem dos Jogos Rio 2016 para o Brasil é bastante positiva, de acordo com resultados preliminares de pesquisa sobre a experiência de turistas brasileiros e estrangeiros no País no período no Rio de Janeiro, pelo Ministério do Turismo. Segundo a pesquisa, 87,7% dos turistas estrangeiros pretendem retornar ao Brasil e 94,2% dos brasileiros desejam voltar ao Rio de Janeiro.

Foram entrevistados 4.150 brasileiros, que representam 83% da amostra final, entre os dias 3 e 16 de agosto, nas arenas esportivas e no Boulevard Olímpico; e 1.262 turistas estrangeiros (38% da amostra final), no período de 6 a 16 deste mês, nos aeroportos internacionais do Rio de Janeiro e São Paulo.

Nas fronteiras terrestres de Foz do Iguaçu, Uruguaiana e São Borja, as entrevistas serão efetuadas entre os dias 20 e 22 deste mês. A pesquisa terá continuidade até os Jogos Paralímpicos, prevendo-se a divulgação da sondagem completa até o final deste ano.

Tanto turistas brasileiros como internacionais avaliaram a viagem de forma positiva. Para 98,7% dos brasileiros que vieram ao Rio de Janeiro, a visita atendeu ou superou as expectativas. Entre os estrangeiros, o índice atingiu 83,1%. A região brasileira que mais enviou turistas ao Rio de Janeiro foi a Sudeste (51,1%), com destaque para os estados de São Paulo (33,1%) e Minas Gerais (11%), seguida do Nordeste (18,5 e Sul (15,7%). Já a liderança entre os turistas internacionais foi exercida pelos Estados Unidos (21,2%) e Argentina (14,8%).

O meio de hospedagem preferido pelos visitantes brasileiros no Rio de Janeiro foi a casa de amigos e parentes, apontada por 48,6% dos entrevistados, enquanto os turistas estrangeiros deram preferência a hotéis, flats ou pousadas (37,2%). Em ambos os casos, imóveis alugados vêm ganhando espaço, citados por 21% dos visitantes domésticos e 25% dos estrangeiros, revelou o diretor de Estudos Econômicos e Pesquisas do ministério, José Francisco Salles Lopes.

Entre os brasileiros, a avaliação dos locais de competições em termos de infraestrutura, acesso e serviço de alimentos e bebidas foi boa ou muito boa para 89,6%, 78,9% e 53,1%, respectivamente. Ou seja, as olimpíadas devem deixar um legado importante.

Se vê hoje um Rio de Janeiro completamente transformado. Com transporte público, metrô, BRT, um investimento nunca feito antes em uma cidade do Brasil dessa maneira. Fica o legado para o esporte também. A esperança é que todo o investimento tenha sido feito de forma transparente.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias