Envie seu vídeo(11) 97569-1373
Sintonize nossa Rádio101.5 FMClique e ouça ao vivo
domingo 27 de maio de 2018

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 26/05/2018
MRV WEB - SUPREME

Nível de contratações

16 MAI 2018 - 23h59
O DS divulga, na edição de hoje, novos dados sobre a geração de empregos no Alto Tietê.
A reportagem vai mostrar que o nível de emprego industrial segue em alta na região e fechou o mês de abril com variação positiva de 1,07%, o que significou um aumento de aproximadamente 700 postos de trabalho - 300 a mais do total criado em março, como revela a pesquisa divulgada ontem pelo Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp). 
A notícia é importante e positiva porque mostra uma recuperação importante na abertura de novos postos de trabalho.
A geração de empregos está diretamente ligada à melhora da economia de uma cidade, região, Estado ou País.
A movimentação do dinheiro acaba garantindo um maior consumo. A moeda circula.
Ampliar políticas de capacitação profissional e de geração de emprego são desafios para países com programas avançados de transferência de renda como o Brasil. 
A criação de empregos é um desafio para todos os países e, no Brasil, mais do que nunca é necessário. 
Na Alemanha, onde a taxa de desemprego era cerca de 9% há uma década, existe iniciativa do governo de estimular vagas temporárias, mas garantindo a rede de proteção ao trabalhador.
No ano, Alto Tietê contabiliza uma alta de 5,58% no nível de emprego industrial.
Desde o ano passado, após dois anos sem trégua nos cortes mensais de vagas, a indústria brasileira voltou a gerar empregos. 
O setor liderou a criação de vagas entre junho e agosto – o que é visto pelos economistas como um sinal concreto de que a recuperação econômica está se refletindo no mercado de trabalho. 
Concretamente, há uma retomada da economia, que começou com a inflação caindo e, com isso, o salário real aumentou, gerando demanda por serviços e depois no comércio e, por último, na indústria.
É importante que essa melhora prossiga, garantindo mais abertura de postos de trabalho para o reforço na economia da região.
Os números divulgados para o Alto Tietê vão servir também para que estratégias de novos projetos possam ser desenvolvidos.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias