Envie seu vídeo(11) 97569-1373
terça 11 de agosto de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 10/08/2020
PMMC ALEITAMENTO MATERNO
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
PMMC  VACINAÇÃO - SARAMPO
PMMC ECOTIETÊ
Pmmc Mutirão da Catarata

O desafio de manter empregos

08 JUN 2020 - 23h59
A pandemia da Covid-19 fez aumentar o número de pessoas desempregadas no Brasil e no mundo e trouxe uma grande preocupação, além da saúde pública.
Manter os postos de trabalho passou a ser um outro grande desafio.
Governos federal, estatuais e municipais buscam planos para evitar ainda mais perdas.
Na semana passada, o DS trouxe reportagem mostrando o planejamento de Suzano para tentar evitar ainda mais perdas de empregos na cidade.
A Secretaria de Desenvolvimento e Geração de Empregos informou ao DS as ações para manter empregos e aquecer a economia na cidade. 
A administração reconhece que Suzano, a exemplo do Brasil, terá dificuldades na criação de empregos, mas ainda assim, a cidade tem conseguido gerar progressos a partir de políticas públicas, que devem ser empregadas em momentos de crise.
De acordo com dados da secretaria, Suzano conseguiu, até o ano passado, atingir 92% da geração de empregos no Alto Tietê.
Os números vinham muito bem em 2019 e começo deste ano antes da pandemia. Cerca de 5.100 empregos, do Alto Tietê, 4.800 foram em Suzano. 
Por estes números, a secretaria garante que “fica claro que políticas públicas municipais conseguem gerar progressos na cidade, e esses progressos geram empregos".
O desafio agora é muito maior. Além de ter de combater o avanço da Covid-19 na cidade, Suzano precisa garantir ações no aspecto econômico e evitar mais perdas de postos de trabalho.
Para a situação atual, a pasta de Desenvolvimento tomou duas frentes de ação como as principais. 
A primeira é o acolhimento e orientação de empresários e comerciantes para enfrentamento da crise econômica. 
Essa iniciativa tem o apoio de diversas instituições, como a Associação Comercial e Empresarial de Suzano (ACE Suzano), o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o Desenvolve SP e o Banco do Povo Paulista. 
A segunda frente de ação é a abertura de aplicativos de compra para aumentar o consumo e fomentar o comércio na região, como o Vetrina App, desenvolvido pelo Polo Digital de Mogi das Cruzes. 
Essa frente já visa a reabertura gradual de alguns setores do comércio conforme for determinado pelo governo estadual.
O foco dessas ações é estimular as empresas da cidade a produzir e vender para as cidades mais próximas, de forma que o consumo seja voltado para a região, e retorne aos patamares pré-pandemia. Para Loducca, esse estímulo para os comércios da cidade é essencial para a geração de empregos no município.
É importante que as medidas sejam tomadas garantindo assim uma retomada importante na economia, mas não deixando de lado, evidentemente, as ações da Saúde no combate à pandemia da Covid-19.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias