Envie seu vídeo(11) 97569-1373
domingo 27 de setembro de 2020

Assine o Jornal impresso + Digital por menos de R$ 28 por mês, no plano anual.

Ler JornalAssine
Jornal Diário de Suzano - 26/09/2020
PMMC COVID SAÚDE
Pmmc Sarampo
CENTRO MÉDICO CLUBE DS - TOPO
ÚNICCO POÁ

‘Promessa’ da passarela

12 AGO 2016 - 08h00

As passarelas são estruturas construídas de forma temporária ou permanente para a travessia de pedestres sobre uma via de trânsito motorizado ou para obstáculos naturais, como cursos d'água e depressões de terreno natural. No caso das obras de arte em uma via de trânsito, elas separam fisicamente os fluxos de pedestres e veículos, eliminando os conflitos entre eles.

Em Suzano, finalmente, nesta semana, a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) confirmou a implantação da passarela, para transpor a linha férrea, que fará a ligação da Rua Benjamin Constant e o Parque Maria Helena, e que pode ser realizada no espaço onde funciona o Shopping Popular.

A obra, sem dúvida, vai beneficiar pedestres em Suzano após intensa reivindicação.

Nesta semana, o diretor de Planejamento e Projetos da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), o engenheiro Silvestre Ribeiro, realizou vistoria da região que receberá as obras.

Apesar de confirmada, ainda não há como definir valores para a obra ou prazos. Mas a expectativa é positiva. A partir de agora terá de ser feito projeto. As obras devem ficar para 2017.

Uma das confirmações do diretor de Planejamento da companhia é de que a estrutura da antiga passarela de Suzano será totalmente demolida, sem reutilização.

O novo acesso será construído na Rodovia SP-66 e na Avenida Major Pinheiro Fróes, seguindo o padrão da passarela da Estação Suzano, transpondo a avenida. Para isso, a CPTM estuda qual local poderá receber o acesso. Acompanhando a vistoria também estava o presidente da Associação Comercial e Empresarial (ACE) de Suzano, Neder Romanos, o deputado estadual Estevam Galvão, além da população. Especialistas garantem que as passarelas para pedestres constituem-se, essencialmente, em tipos de obras de arte especiais.

Existem recomendações para construção de passarelas como os acessos que devem ser, preferencialmente rampas e não escadas; o trecho de circulação sobre a pista deve ser envolvido em tela, para evitar que se joguem objetos sobre os carros; os guarda-corpos laterais não devem ser demasiadamente fechados e altos, para que da estrada se veja quem circula na passarela. É uma condição de segurança para os pedestres.

Há também recomendação para que a passarela seja iluminada, para prevenir assaltos e a presença de malfeitores que joguem pedras nos carros para assaltá-los.

Todas essas recomendações garantem a segurança e a boa utilidade do equipamento. Agora é esperar para que a promessa feita pela CPTM seja cumprida para o beneficiar passageiros que todos os dias utilizam os trens da companhia.

Leia Também

Últimas Notícias

Ver Últimas Notícias